Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

Últimas matérias do Folha

quarta-feira, 31 de março de 2010

Corrupção, agora é tudo ou nada...

Caros amigos,

Chegou a hora: dia 7 de abril será a votação do Projeto de Lei Ficha Limpa. Nossos deputados têm uma escolha -- votar a favor da lei e remover criminosos da política, ou ficar do lado dos corruptos ao custo de toda a nação.

Não será uma vitória fácil, forças corruptas estão resistindo bravamente – somente uma mobilização massiva poderá vencê-los. Esta é a reta final para pressionar nossos deputados a votarem a favor da política limpa no Brasil -- assine a petição no link abaixo, ela será entregue diretamente ao Congresso:

http://www.avaaz.org/po/brasil_ficha_limpa/?vl

Se a Ficha Limpa passar, candidatos que cometeram crimes sérios como lavagem de dinheiro, tráfico de drogas e assassinato, serão removidos das eleições de outubro. Este pode ser um enorme passo para livrar o Brasil de uma classe política corrupta.

Através de muita pressão popular do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral e da Avaaz, nós ajudamos a introduzir esta lei e aprová-la para votação. Porém se ela passar, vários partidos políticos irão ver seus candidatos desqualificados das eleições de outubro, portanto muitos vão tentar barrá-la no Congresso. Nós não podemos perder esta oportunidade histórica – vamos mobilizar milhares de brasileiros nesta reta final -- assine a petição abaixo:

http://www.avaaz.org/po/brasil_ficha_limpa/?vl

Em um movimento histórico, mais de 1.6 milhões de brasileiros já levantaram as suas vozes contra a corrupção na política. Nós não podemos perder agora -- cada nome conta – encaminhe este alerta para todos que você conhece!

Com esperança,

Alice, Graziela, Paula, Paul, Ricken, Pascal, Benjamin, Ben e toda a equipe Avaaz

Saiba mais sobre a Ficha Limpa:

Site do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral:
http://www.mcce.org.br/

Projeto Ficha Limpa deve ser votado pela Câmara dia 7 de abril:
http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia182/2010/03/23/politica,i=181531/PROJETO+FICHA+LIMPA+DEVE+SER+VOTADO+PELA+CAMARA+DIA+7+DE+ABRIL.shtml

Movimento online renue 200 mil brasileiros em torno de campanhas como "Ficha Limpa":
http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2010/03/09/movimento+online+reune+200+mil+brasileiros+em+torno+de+campanhas+como+ficha+limpa+9421354.html

Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral consegue assinaturas necessárias para levar Projeto Ficha limpa ao Congresso:
http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia182/2009/09/17/politica,i=142687/MOVIMENTO+DE+COMBATE+A+CORRUPCAO+ELEITORAL+CONSEGUE+ASSINATURAS+NECESSARIAS+PARA+LEVAR+PROJETO+FICHA+LIMPA+AO+CONGRESSO.shtml

SINTEP faz manifestação e faz denuncia ao MPE

Manifestantes reunidos em frente à Câmara Municipal, e no MPE protocolando a representação.

O SINTEP promoveu hoje uma manifestação contra as péssimas condições de ensino em Tucuruí. São inúmeras denuncias de descaso e incompetência da Secretaria de Educação que tem causado uma série de problemas e arbitrariedades, prejudicando alunos e professores. Os manifestantes se reuniram em frente à Câmara Municipal e depois se dirigiram ao MPE onde protocolaram uma representação com inúmeras denúncias de irregularidades na Secretaria de Educação e na administração da PMT.

Espera-se agora que o Ministério Público cumpra com o seu dever defendendo a Lei e a Sociedade, garantindo que Tucuruí tenha uma administração pública municipal baseada na honestidade, transparência, publicidade, eficiência, economicidade e impessoalidade. Vamos aguardar...

Educação dá calote na ASSERT

A ASSERT (Associação dos Servidores Públicos Municipais de Tucuruí) só vai liberar o convênio  com o comércio no dia 5, caso a Secretaria de Educação repasse os descontos dos funcionários sobre o convênio (o desconto é feito em Folha de Pagamento). A Secretaria de Educação está devendo os repasses dos meses de janeiro, fevereiro e março. 

Caso os repasses não sejam feitos e o convênio não seja liberado os funcionários terão sérios prejuízos, e cabe ao SINTEP que é o sindicato da categoria, acionar  na justiça a Secretária de Educação por apropriação indébita e danos morais aos servidores da educação municipal.

No caso da Secretaria de Educação não repassar o dinheiro, a ASSERT deveria liberar o convênio às demais secretarias que estão em dia com os repasses, pois não é justo que todos os demais servidores paguem pelo erro de uma Secretária.

Cratera, perigo na rua

Paus e sacolas plásticas alertam sobre o perigo, quem vê o buraco cheio de água pensa que é uma simples poça.

No Jardim Paraíso na Praça Júlia Passarinho existe um buraco que tem causado vários trastornos e acidentes, principalmente envolvendo motociclistas. Quando o buraco está vasio diminui um pouco o perigo pois fica um pouco mais visível, mas quando chove o buraco fica cheio de água, se transformando em uma verdadeira armadilha para os motoristas e motociclistas desavisados que desconhecem o perigo. A população costuma colocar paus e sacolas plásticas (vejam a foto) para alertar quanto ao perigo. Esperamos que a PMT tome alguma providência para evitar acidentes no local.

terça-feira, 30 de março de 2010

Independente - Sindrome da conspiração ou má fé?

Mais uma vez a imprensa de Tucuruí tenta justificar os resultados desfavoráveis do Independente criando fatos e outros motivos que não sejam a simples atuação do time. Agora culpam a imprensa de fora de perseguir o Independente. Está claro a intenção de vitimizar políticos locais e desviar da população o foco nos reais e graves problemas da cidade.

Se os juises e bandeirinhas se sentem inseguros em Tucuruí, e se existe tanta agressividade por parte dos torcedores contra a arbitragem é culpa exclusiva da imprensa de Tucuruí, que vem a tempos incitando a população contra a arbitragem quando o Independente não apresenta um resultado favorável nos jogos. Isso é ruim para o esporte, e isso é ruim para a imagem de Tucuruí. E depois querem que todos fiquem calados?

O problema é que esse pessoal está acostumado a fazer tudo como querem e do jeito que querem, em se tratando de Tucuruí funciona porque o povo é pacífico e aceita tudo, mas o pessoal de fora não tem obrigação e nem vontade de se submeter à vontade da imprensa e dos políticos tucuruienses. 

Este pessoal tem que aceitar que não tem bala na agulha para alugar a imprensa de todo o estado, se contentem com a imprensa chapa branca tucuruiense. Parem de tentar fazer a cabeça das pessoas que o povo não é mais bobo não.

PMDB forma chapa para governador

Segundo informações o PMDB já teria decidido pela candidatura própria para governador nas próximas eleições. A composição da chapa seria a seguinte:

Jader (PMDB) – Governador
Tião Miranda (PTB) – Vice Governador
Valéria Pires (DEM) - Senadora

Os partidos aliados que apóiam a chapa seriam: PMDB, PR, PDT, PTB e DEM (por enquanto).
========================
Nota do Folha: Este é o quadro atual e tudo pode mudar até as convenções. Mas esta configuração que inclui o PTB, indica que o PMDB não pretende cassar o Dulciomar e provavelmente o Priante deve vir para o senado. Se esta chapa e esta aliança se concretizar de fato, terá grandes chances de ganhar as eleições.

Amanhã haverá manifestação contra o descaso com a Educação Municipal

Amanhã haverá uma manifestação liderada pelo SINTEP contra o descaso e os problemas na Educação Municipal em Tucuruí. A manifestação será iniciada às 08:00 hr em frente à Câmara Municipal e os manifestantes vão em caminhada até o Ministério Público Estadual, onde será protocolado um documento com várias denuncias de irregularidades na educação e em toda a administração municipal.

Resumo da Sessão da Câmara do dia 29/03/10.


Vereadores questionam diretor da CTTUC
Na última Sessão da Câmara Municipal, compareceu o Diretor da CTTUC que foi questionado pelos vereadores. O principal questionamento foi que apesar de ter se passado mais de três meses da aprovação da Lei dos mototaxistas, e até agora nada mudou, o serviço continua uma baderna e os clandestinos continuam nas ruas (muitos sem habilitação) colocando em risco a vida dos cidadãos. Outro questionamento é a liberação de infratores e veículos por interferência política. Segundo o Diretor da CTTUC não está tendo fiscalização do serviço de Mototaxi porque até agora o diretor não tem conhecimento do teor da Lei. Segundo informações do Diretor, a Lei está "engavetada" na Procuradoria Jurídica. O Vereador Bena pediu a lista dos contemplados com concessões de serviço de mototaxi, pois segundo ele existem comentários de favorecimento político (se conhecemos como funciona a política em Tucuruí o estranho seria se não houvesse favorecimento).

Vereadores não vão mais aprovar projetos do executivo
O vereador Titonho disse que não vai mais aprovar os projetos do executivo enquanto as indicações dos vereadores não forem atendidas pelo prefeito, e os projetos e as leis aprovados pelos vereadores não forem colocados em prática, principalmente as leis de transito, inclusive a Lei de Carga e Descarga de mercadorias no centro da cidade.

segunda-feira, 29 de março de 2010

Independente empata com São Raimundo


O Independente empatou de 2x2 com o São Raimundo, e mais uma vez  para variar a "culpa" foi do juiz e dos bandeirinhas. Já falamos para colocar o Pepino como presidente do Independente para  o  galo nunca mais perder uma partida e para que o juiz ajude o time a ganhar.

Mais reclamações da Secretária de Educação Municipal

O ex-professor da zona rural de Tucuruí, Sérgio Wilson nos mandou esta carta de indignação para ser publicada, enviou também uma cópia a cada um dos vereadores. Será que algum vai ter coragem de se manifestar? Queremos ver até quando a Câmara vai conseguir se omitir diante dos problemas da população.

Para o Folha esta carta diz tudo por si mesma.
===========================


CARTA DE INDIGNAÇÃO CONTRA A ADMINISTRAÇÃO DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MARIVANE. POR ABUSO DE PODER,
PERSEGUICÃO E INCOMPETÊNCIA AMINISTRATIVA.
 
Eu, Sérgio Wilson de Jesus Souza. ex-professor de zona rural, demitido pela Secretária de Educação Marivane, venho por meio desta carta fazer um "raio x" da Marivane e sua administração.

Em primeiro lugar, eu quero dizer que a Marivane é arrogante, prepotente, ignorante, ditadora, fechada, indiferente, inflexível e outros adjetivos.

A Marivane, não está nem aí para a opinião pública e nem para os vereadores. Uma mulher que nunca veio nas rádios de Tucuruí; uma mulher que só foi na Câmara porque os vereadores ameaçaram cassá-la; uma mulher que não gosta de responder perguntas, não gosta de ser interrogada. Ela tem que se conscientizar que é uma pessoa pública, sendo assim, ela deve explicações ao povo e aos vereadores de suas decisões e de sua administração.

Vocês precisam fazer uma matéria na zona rural com os pais, mães e professores para descobrirem a verdade. Eu me pergunto, por que a educação de zona rural é diferente da educação de zona urbana, e não encontro respostas convincentes. Por que em algumas escolas o professor tem que parar a aula para fazer merenda, por que não tem merendeira? E mais, por que algumas escolas não têm vasilhame para gás, tendo a comunidade que emprestar para a escola, para que a merenda seja feita? Porque o professor ou líder comunitário tem que vir a cidade buscar a merenda, material de limpeza, gás e material didático, onde está o carro traçado de uso exclusivo da educação de zona rural? Por que ela insiste em um sistema de educação antigo e barato que não aparece à produção do professor e nem o desenvolvimento do aluno, o qual fica cinco séries juntas, dentro de uma sala de aula (alfa, 13, 23, 33 e 43), que é o sistema multisseriado; por que na zona urbana o sistema é seriado, um professor para cada série; o que difere o QI dos alunos de zona urbana e zona rural é o sistema de educação aplicado e a qualificação dos professores.

Por que os professores contratados não recebem os quinze dias de férias em janeiro e nem uma ajuda de custo para entrar para trabalhar, o mesmo, tem que se "virar nos trinta", pegando dinheiro emprestado para entrar para zona rural. Por que os professores não recebem o abono do FUNDEB, que é a sobra de todo dinheiro recebido pelo MEC durante todo ano dividido pelo número de professores da rede básica. Por que não existe um contrato de trabalho formal de um ano para o professor assinar quando é contratado, tendo como prova vincular, apenas o contracheque. Por que algumas escolas são improvisadas? Por que algumas escolas não têm energia? Por que os professores do módulo (58 a 8ª, tem garantia de dois horários; em quanto, os professores da educação básica (18 a 48), só tem dois horários os que tem trinta alunos; a questão dos professores terem famílias e das dificuldades da zona rural, não são suficientes para a garantia de dois horários para todos? Por que não existe casas para os professores, onde os professore tem que morar nas casas dos pais e mães de alunos. Por que não existe um programa de qualificação superior para os professores que só tem o magistério? Por que os professores contratados não recebem ticket alimentação, já que, os professores contratados representam noventa por cento dos professores de zona rural; sem os professores contratados, a educação de zona rural pára; não existe educação na zona rural sem os professores contratados; ela sabe disso e o SINTEP, também. Por que não há uma equiparação em todos os sentidos, nas duas educações: urbana e rural?

O MEC deposita todos os meses milhões de reais na conta da secretaria de educação. Por que esse dinheiro não é usado para resolver os problemas da educação de zona rural? Está-se brincando de fazer educação na zona rural; se está empurrando a educação de zona rural com a barriga. É brincadeira! Isto é uma vergonha!

Os professores de zona rural são verdadeiros heróis anônimos, onde deveriam receber uma medalha por coragem, bravura e heroísmo. Eles merecem!

Aquela frase "educação igual para todos", é pura utopia, demagogia e propaganda falsa. Eu comparo com o exemplo de um réu rico e outro réu pobre, onde o réu rico ganha, sempre; é a realidade é primo rico(educação de zona urbana) e o primo pobre (educação de zona rural). Por que poucos querem tudo; enquanto, muitos só querem um pouco? Se você quer conhecer alguém de verdade, dê poder a essa pessoa; você verá se essa pessoa mudará o seu comportamento ou não; foi o que aconteceu com Hitler.

Essa mulher é igual a "feijão duro", só vai na pressão. Está na hora do povo e vereadores levantar-se e desencadear um movimento de impeachment contra essa mulher ditadora e inflexível; esperar não é saber, quem sabe faz a hora, não espera acontecer. Uma mulher que não dá a mínima para o povo e não atende aos pedidos dos vereadores; e não tem uma boa relação política com os vereadores. Isso não é bom para o futuro político do Sancler. Sancler, vamos puxar a orelha dessa mulher.

Sem mais no momento, um grande abraço do ex. professor de zona rural, Sergio Wilson de Jesus Souza.

Contato:8137-9602 -  E-mail:sergiowilson70@yahoo.com

sábado, 27 de março de 2010

Meio Ambiente - Crime anunciado

Mata nativa do bosque de Tucuruí, na mira do prefeito e ameaçada de desaparecer

Esta parte da mata nativa do bosque de Tucuruí que tem resistido em pé a inúmeros e sucessivos desgovernos municipais, parece que não vai resistir a este. Esta parte da mata está jurada de morte para atender aos interesses e compromissos políticos do prefeito e sua sanha de destruição do meio ambiente. Segundo informações, a derrubada da mata é só uma questão de tempo.

A sentença de morte das pobres árvores já está assinada. Com certeza após este crime contra a natureza Tucuruí ficará muito mais pobre. Agora nos digam, reclamar para quem? Só nos resta mostrar ao povo o que estão fazendo com a natureza e conscientizar os jovens que herdarão o meio ambiente degradado e a natureza morta.

Seria o caso de denunciar ao IBAMA, mas para quê se o próprio IBAMA autoriza a derrubada de árvores protegidas por lei, como foi o caso da castanheira do Bairro Colinas. Foram lá com o corpo de bombeiros e mesmo sem a aprovação da pessoa que tem a posse da área, e sem a aprovação dos fiscais da SEMMA, derrubaram a pobre castanheira sem dó nem piedade e ainda levaram o tronco, deixando a sujeira e a galhada sem valor, e alguns pés de buriti que foram também derrubados e também não tem valor comercial.

O meio ambiente em Tucuruí tem sido tratado com ódio e atacado de todas as formas possíveis e imagináveis, principalmente por quem tem o dever jurídico e moral de defender a natureza. 

Isso é uma vergonha!!!

sexta-feira, 26 de março de 2010

Alunos da rede pública de ensino pedem socorro

 Vejam o local onde ficava a central de ar que foi retirada

Notem que as salas não tem ventilação.

Alunos da rede pública municipal de ensino pedem socorro. Os alunos que estão amontoados pela Secretaria de Educação na UNIDERP, mandaram uma carta ao programa Tucuruí Agora denunciando a falta de merenda escolar e das péssimas condições das salas de aula, que segundo eles são verdadeiros fornos.

Como se sabe a PMT não constrói salas de aulas a mais de seis anos e com o aumento natural do número de alunos, a situação está caótica e insuportável. A PMT aluga salas sem a estrutura necessária para a permanência dos alunos em sala de aula. O locais são distantes das residências dos alunos, falta transporte escolar, falta de ventilação e refrigeração nas salas de aula, o que transforma as aulas em autênticas salas de tortura.

No caso da UNIDERP quando as salas foram alugadas, as centrais de ar-condicionado foram removidas e substituídas por ventiladores. Como as salas não têm circulação de ar suficiente os ventiladores não têm qualquer efeito para amenizar o calor, tornando o ambiente viciado e insuportável.

Onde está o Conselho Tutelar e o Ministério Público para defender estas crianças???

Já nem citamos os vereadores (nenhum deles tem parentes estudando lá) e nem contamos mais com a Câmara Municipal, essa já não tem mais jeito, é caso perdido.

Esperamos que alguma autoridade SÉRIA se sensibilize e tome alguma providência. 

ISSO É UMA VERGONHA!!!


quinta-feira, 25 de março de 2010

Deley X Sancler?

Interessante a análise que o Miguel faz dos boatos de racha entre os grupos do Sancler e Deley. Não acreditamos que o racha ocorra antes das eleições deste ano, tem muita gente do Deley na prefeitura (Sancler só rompeu com o governo Furman no último ano de mandato),  no entanto isso é política e tudo é possível. 

Independente - A solução final

Parece que o pessoal do Independente quer ganhar todas, se perde nunca é por que o outro time jogou melhor, a culpa é sempre da arbitragem. Pois bem, não se avexem mais pois seus problemas acabaram,  nós temos a solução ideal e infalível para vocês, é só buscar ajuda profissional qualificada e experiente. E tem um profissional excelente bem aqui pertinho, na ilharga.

Coloquem o Pepino (da Unidos de Tucuruí) como presidente do Independente que o time nunca mais perde um jogo, e não é só isso, nunca mais terão que se preocupar com a arbitragem, sempre terá os juizes e os bandeirinhas torcendo pelo time, o galo vai  fazer coleção de taças do campeonato paraense.

Como não pensaram nisso antes? Eureka!!!

quarta-feira, 24 de março de 2010

Moradores das ilhas agradecem

De Iara:

Quero  parabenizar a equipe do Folha que publicou as mazelas que sofrem as crianças das Escolas da ilha do lago sem a merenda escolar, após a denuncias a Secretaria de Educação se envergonhou e mandou entregar a merenda na escola.

Parabéns equipe, esses incompetentes da PMT só trabalham se for na pressão. Será para que guardam o dinheiro da merenda enquanto as crianças desmaiam de fome?!!?!!!

Enquanto a PMT contrata, concursados aguardam lotação

Nota da Comissão dos Concursados:

Enquanto os apadrinhados políticos, parentes e amigos dos políticos e secretários municipais continuam sendo contratados mesmo após várias denuncias feitas ao Ministério Publico, os CONCURSADOS convocados pela PMT no dia 26/02 ainda não foram lotados.

São pais de famílias que foram obrigados a deixar seus antigos empregos para assumirem seu cargo publico estão a um mês a disposição da prefeitura e não receberão pagamento, o interessante é que a quase um ano o prefeito assinou o TAC e ainda não deu "tempo" para a "competente" equipe do RH programarem essas lotações...

Dia 26/03 a comissão deve voltar ao Ministério Publico para comunicar à promotoria mais esses desmando, já que 30 dias se passaram e essas pessoas não estão trabalhando, mas CONTRATADOS estão sendo lotados!!!

terça-feira, 23 de março de 2010

Brasília - Fundo do poço

Do Blog da Franssinete

A lama do DEMsalão não tem fim. Lembram do deputado distrital Júnior Brunelli, aquele do vídeo da oração da propina? Pois como ele renunciou para escapar da cassação, a Câmara Legislativa do DF convocou seu suplente, que é ninguém menos que Geraldo Naves (aquele que entregou o bilhete de Arruda ao jornalista Edson dos Santos, o Sombra), preso no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, acusado de obstruir as investigações sobre o esquema de corrupção no DF. 

Como a prisão preventiva não retira de Naves os direitos políticos, a situação absurda é que ele depende de autorização judicial para deixar a cadeia e assumir o mandato. Que, se depender do ministro Marco Aurélio Mello, do STF, será negada.

Câmara convoca Secretária de Educação Municipal


A Câmara Municipal aprovou a convocação da Secretária de Educação Municipal para prestar esclarecimentos sobre denuncias contra a Secretaria. Antes que alguém se anime e comece a pensar que alguma coisa está mudando e os vereadores vão pedir satisfações e cobrar soluções aos graves problemas por que passa a educação em Tucuruí, convém lembrar que este filme é repetido e todo mundo sabe o final.

A Secretária de Educação já foi "convidada" no ano passado pela Câmara Municipal a prestar esclarecimentos, mas em vez de ser questionada e cobrada pelos vereadores, foi na verdade submetida a uma bajulação e a um  beija mãos que faria inveja ao papa. Em vez de cobranças foram só elogios e ela saiu mais forte do que entrou.

Os vereadores de oposição apenas ensaiaram uma tímida cobrança de explicações, que foram prontamente rechaçadas pela situação, e a "visita" da Secretária não deu em nada, e o resultado todos conhecem. A própria administração municipal e o prefeito só tem a perder ao manter uma situação como esta, e no fim sobra para o povo e para os alunos da rede pública de ensino municipal.

Podemos estar até enganados, mas acreditamos que veremos a peça teatral ser novamente encenada, para dar ao povo a impressão de que a Câmara realmente está agindo,  fiscalizando e está preocupada com a educação no município. 

Em nossa opinião a Secretária vai sair ainda mais forte do episódio.

É só esperar e conferir...

Legislando em causa própria


Enquanto a população de Tucuruí (como no resto do país) tem um serviço de saúde pública de péssima qualidade, um vereador (Tabaco) propôs na última sessão da Câmara um plano de saúde para os vereadores, custeado é claro com dinheiro público.

Em vez de gastar dinheiro com privilégios, os vereadores deveriam contribuir para com a ASSERT como todos os funcionários do município, só tem um problema, o vereador não quer descontar 6% do seu salário como todo mundo, quer privilégio, enquanto a população tem que esperar dias e até meses para um exame, que em muitas situações tem que ser feito na capital.

Se a Câmara aprovar este privilégio, tem que estender o benefício a TODOS os servidores do município  e  também a toda a população (que vai pagar a conta), já que os vereadores não são melhores do que ninguém. Se o vereador quer ter direito a plano de saúde particular, que pague do próprio bolso como qualquer cidadão deste país.

Era só o que faltava!!! 

ISSO É UMA VERGONHA!!!

Tipos de internaltas

segunda-feira, 22 de março de 2010

Vereadora pede informações ao prefeito sobre o projeto Novos Rumos


A vereadora Drª. Edileuza (PSC) entrou com requerimento ao Prefeito Municipal de Tucuruí (Req. 001/2010/GAB/VER/PSC) solicitando cópia completa do processo administrativo que deu origem ao convênio firmado entre o Município de Tucuruí – Prefeitura Municipal de Tucuruí e o Colégio Sophos, juntamente com a relação dos alunos beneficiados com a bolsa de estudos, e a relação dos aprovados no concurso vestibular do ano de 2009 e 2010, e os valores gastos com o convênio até o presente momento.

Nós já havíamos publicado matéria a respeito deste projeto, que a nosso ver tem muitos pontos obscuros. Foi feito vestibular,  divulgada a lista dos aprovados e teve início às aulas. Depois de uma semana algo em torno de 50 alunos dos 130 aprovados, foram submetidos ao constrangimento de serem informados em plena aula de que foram desclassificados por não obedecerem aos critérios da Secretaria de Ação Social. Isso assim, sem maiores explicações. O interessante é que alguns poucos destes alunos “desclassificados” retornaram em poucos dias e outros não. Mais interessante ainda é que já se passaram quase três semanas e não foi divulgada a nova lista, já com os nomes dos novos alunos que deveriam substituir os que tinham saído.

Isso nos leva a várias suposições, já que os novos alunos estão perdendo muitos dias de aula. Seria pura e simples incompetência da Secretária de Ação Social em resolver a situação, substituindo os alunos desclassificados e divulgando a lista dos novos alunos? Ou será que existe algo por trás de tudo isso que não querem que venha à tona e ao conhecimento da população? A Ação Social está à frente de vários projetos e programas do Governo Federal, Estadual e Municipal, como por exemplo o Cartão de Complementação Alimentar e o Bolsa Família. Esta situação obscura da Ação Social no projeto novos rumos lança dúvidas sobre todas as atividades da Ação Social. Quanta lebre ainda tem para sair desta moita?

Parabéns à Vereadora Drª. Edileuza por fiscalizar este convênio, já que se trata de dinheiro público e do futuro dos nossos jovens. Pedimos à vereadora que vá até o fim nesta história e esclareça de vez o que está acontecendo. Se estiverem usando projetos que deveriam beneficiar jovens e pessoas pobres e dinheiro da PMT, para atender a interesses que não sejam públicos e impessoais, que tudo seja apurado e os responsáveis denunciados à justiça. No mínimo o dinheiro público está sendo desperdiçado, pois dezenas de alunos estão sendo prejudicados e estão sem aulas.

O Folha se coloca à disposição da Vereadora para divulgar o resultado da fiscalização e colocar a população à par do que está acontecendo. Tudo tem que ser esclarecido o mais rápido possível, pois quanto mais o tempo passa, mais os alunos serão prejudicados e a cidade terá ainda mais prejuízos .

Colinas - Castanheira centenária é derrubada


A primeira foto mostra a castanheira e ao lado a bica que serve ao povo do Colinas e Cohab. Dá para ver na foto que a árvore é uma das que protegem o manancial e o barranco do igarapé. Dá para ver ainda que tanto a árvore quanto suas raízes estavam saudáveis. A segunda foto mostra a castanheira em toda a sua exuberância. Na terceira foto vemos o que sobrou, apenas um toco e as partes sem valor comercial. O IBAMA autorizou o corte.

A castanheira centenária estava localizada atrás do Colégio das Irmãs e ao lado do igarapé no Bairro Colinas. Segundo informações alguns moradores se sentiam ameaçados e temerosos com uma possível queda da árvore e então procuraram o IBAMA, que autorizou o corte.

Vamos analisar a questão: Alguns moradores têm alguma razão de se sentirem ameaçados pela árvore, embora dê para perceber que a mesma estava perfeitamente saudável. Mas se os moradores estavam ameaçados (se é que estavam) foi porque construíram suas casas em área de preservação ambiental e embaixo da árvore, cometendo inclusive crime contra o meio ambiente.

Agora, do que adianta existir uma lei ambiental que protege as áreas de Preservação e a castanheira em especial se o cidadão constrói ilegalmente nas proximidades e quem tem que sair é a árvore? A castanheira já estava lá antes dos invasores nascerem. De que lado o IBAMA está? Está do lado da natureza, da Lei e da preservação ambiental, ou dos devastadores e criminosos ambientais? Várias árvores nativas e castanheiras foram derrubadas para preservar e proteger invasores de áreas de proteção ambiental, e quem preserva e protege o meio ambiente, que é patrimônio de todos nós?

Outra situação, o que está sendo feito das árvores derrubadas que tem grande valor de mercado? Ficam apodrecendo em pátios de serrarias ou são beneficiadas e comercializadas? Se a madeira está sendo comercializada, para onde vai o dinheiro da venda da madeira? O interessante é que enquanto a castanheira (Foto) estava sendo derrubada já havia um caminhão esperando para transportar o tronco de alto valor econômico, e o mais “interessante” ainda é que a parte que não teria como ser comercializada foi deixada no local (vejam a última foto).

Outra pergunta: Quem vai fazer a compensação ambiental na área de preservação onde estava a castanheira, plantando novas árvores e protegendo a nascente que abastece a população local? No mínimo o dinheiro que pode resultar na comercialização da castanheira poderia ser utilizado para recuperar a área, protegendo o barranco do igarapé e o manancial. Se os responsáveis pelo IBAMA em Tucuruí quiserem esclarecer as questões apresentadas na matéria entrem em contato, já que este assunto é de interesse de TODA a população da nossa cidade.

A população tem que ficar mais atenta às agressões ao meio ambiente em Tucuruí.

Fiscalize, denuncie, pois o meio ambiente é a nossa casa. 

Estão tentando destruir o nosso lar, o lar dos nossos filhos e dos nossos netos. 

CHEGAAAAAAAA!!!!!

domingo, 21 de março de 2010

Celpa, caso de justiça

A coisa está feia, os apagões se repetem em Tucuruí e nenhuma providência é tomada. Dizem que em outros estados a Celpa funciona bem, a "coisa" é mesmo com os tucuruienses. Mas mesmo que em todo o Pará a Celpa funcionasse direito, por aqui com certeza não funcionaria, em Tucuruí nada funciona direito, isto é, quando se trata de projetos, serviços e administrações públicas. A iniciativa privada está muito bem obrigado, principalmente para os empresários amigos do prefeito, aí está mesmo um "céu de Brigadeiro", ou "de vento em popa", como queiram.

A sorte dos mais jovens é que a velha locomotiva da antiga  Estrada de Ferro está  no Centro Comercial, na Vila Residencial sob responsabilidade da Eletronorte, se tivesse ficado em Tucuruí teria enferrujado e teria sido roubada e vendida ao ferro velho (como foi o caso da ponte metálica da Rua Santo Antônio - Matinha), ou "doada" pela prefeitura. Os políticos de Tucuruí nunca se importaram com a preservação do nosso patrimônio histórico.

Hoje a velha locomotiva foi restaurada (pela Eletronorte) e está em frente ao Cine Roxy na Vila 

Se tem uma coisa que os tucanos fizeram de mal à população do estado foi vender a CELPA. Hoje o ex-governador Almir Gabriel tem sido humilhado e desprezado pelo seu próprio partido, e isso é muito pouco pelo crime de lesa Pará, cometido contra o povo paraense. Está recebendo nada mais, nada menos do que merece.

Outro dia um repórter da globo nos mandou um e-mail nos perguntando sobre Tucuruí, queria saber o que a população da cidade mais deseja (isso foi fácil) e o que deu certo na cidade (Chiiiii!).
Respondemos que o que o tucuruiense mais quer são políticos sérios, honestos e eficientes. Quanto à coisa que deu certo em Tucuruí e que poderia servir de exemplo a outros municípios ficamos devendo a resposta ao repórter, depois pensamos... Será que deveríamos ter citado as escadarias da Santo Antônio??? Não nos lembramos de mais nada...

sábado, 20 de março de 2010

Vice deixa a Sec. de Saúde?


Um comentário anônimo da matéria "Quem governa Tucuruí?" levanta a possibilidade de substituição da Secretária de Saúde nos próximos dias, em uma manobra do prefeito e do Dep. Deley, sendo que o deputado indicaria o novo Secretário. Não confirmamos e nem descartamos os fatos colocados pelo anônimo, no entanto politicamente faz muito sentido. Com a proximidade das eleições e estando a prefeitura e a Secretaria de Saúde queimadas perante a população, esta seria a saída do Deley para desvincular a sua imagem à da Saúde Municipal, mas ao mesmo tempo mantendo o controle da Saúde e seu pessoal empregado na Secretaria. Se esta notícia for correta a pretensa "briga" do Sancler e Deley não passa de ilusionismo político, uma armação eleitoral.

O tempo dirá... 

Abaixo o comentário na íntegra:

"Pessoas ligadas ao deputado Deley Santos, andam dizendo que a secretaria de saúde do municipio, que é comandada pela senhora Nilda (esposa do Deley), sofrerá uma forte manobra politica nos proximos dias, afim de ludibriar a população de Tucuruí. 
A operação acontecerá da seguinte maneira: haverá uma pseuda substituição da secretária Nilda pelo senhor Charles Tocantins (aquele que durante o governo Claúdio Furman esteve a frente do mesmo órgão), porém tal substituição será apenas uma armação, no intuito de enganar a população que houve uma reação perante as inumeras denuncias que pairam sobre a secretaria de Saúde. 
Ou seja, haverá uma mudança apenas de fachada, haja vista que o novo secretário, Charles Tocantins, servirá de laranja para o Deputado Deley, pois quem o está indicando é o próprio Deputado. Sendo que quem continuará dando as ordens na saúde será a Nilda e o deputado Deley. Moral da história, essa manobra, será a mesma coisa que trocar seis por meia dúzia. E como se não bastasse, como bem frissou a matéria do Folha, ainda teremos o ônus de rever um antigo secretário do Claudio Furman (Charles Tocantins) no comandando, novamente, da saúde de Tucuruí. 
A população de Tucuruí que votou na mudança, assistirá nos proximos dias, que tal mudança ocorreu apenas no mundo de faz de conta. É só comparar os fatos: Charles Tocantins serviu ao Claudio Furman e agora servirá ao Sancler, tendo o deputado Deley como o mentor da manobra. Isso é uma vergonha!"

sexta-feira, 19 de março de 2010

Mais descaso na Educação


Desta vez o descaso e a irresponsabilidade parte da Secretaria de Ação Social. "Responsável" pelo projeto Novos Rumos em parceria com o Colégio Sophos foi feito um "vestibular" para que jovens que estudam em colégios públicos possam adquirir bolsas de estudo para um cursinho pré-vestibular. A lista  dos aprovados foi divulgada na rádio e as aulas começaram, após uma semana os alunos sofreram constrangimentos ao serem informados em plena aula que foram "desclassificados" por não atenderem ao critério de pertencerem a famílias de baixa renda.

Pois bem, foram em torno de cinqüenta alunos "desclassificados", sendo que uns poucos  "retornaram" e falta preencher várias vagas. Acontece que com a demora os alunos vão ser prejudicados pois já perderam mais de duas semanas de aulas (para os novos alunos).

Disseram que divulgariam a nova lista e até agora nada, muitos estão curiosos para ver quem vai fazer parte desta lista. Se a Secretária acha que alguém vai esquecer está redondamente enganada, vamos esperar e verificar todos os nomes para ver quem vai assumir as vagas e se são baixa renda mesmo. Vários pais de alunos já se preparam para recorrer ao Ministério Público sobre esta questão.

Estamos esperando a tal lista que já deveria ter sido divulgada...

Puty investigado por crime eleitoral

Do Blog do Parsifal

O site da Rádio Tabajara, posta que o Procurador Regional Eleitoral, Ubiratan Cazetta, acaba de determinar a abertura de "investigação para apurar suposto crime eleitoral - propaganda fora do prazo previsto em lei - contra o ex-chefe da Casa Civil do governo do Estado, Cláudio Puty."


O que motivou a abertura da investigação foi a postagem aqui feita, com o título "Chapa Branca".


Portanto, senhoras e senhores candidatos que assam o peixe com a brasa do governo, atentai: o Ministério Público Eleitoral não dorme.

Quem realmente governa?


Uma grande ilusão por parte do povo é acreditar que uma só pessoa manda quando se trata do poder executivo. Em primeiro lugar não é só uma pessoa que ganha uma eleição, quem ganha eleição é um ou mais grupos políticos.

Citamos como exemplo a atual administração, uma grande parte da cúpula administrativa da prefeitura é constituída por pessoas que sempre foram ligadas ao ex-prefeito Cláudio Furman, o grupo do Deley, outro grupo ligado ao Ex-deputado Zé Lima e poucos (se é que tem algum) são genuinamente do Grupo do Sancler.

Além disso tem os compromissos com os empresários financiadores de campanha, estes com certeza apóiam o candidato com o objetivo puro e simples de ganhar muito dinheiro e multiplicar o seu investimento.

Imaginem um candidato que investe por exemplo R$ 1.000.000,00 um milhão na campanha de um candidato, é um jogo, se o candidato perder ele também perde, se ganhar ele multiplica várias vezes o capital investido, em vez de dinheiro o empresário pode ganhar milhões na área imobiliária por exemplo, expandindo terrenos particulares em áreas públicas e altamente valorizadas, o lucro é imenso, e os prejuízos para a cidade também. Podem ganhar licitações, autorizações para executar serviços, autorização para extração mineral, concessões de serviços etc. Quem perde é sempre a cidade, pois normalmente os critérios são políticos e não técnicos.

Além de tudo isso ainda tem a chamada imprensa chapa branca, que além dos seus próprios interesses também defende os interesses dos demais empresários que pagam publicidade. Esta mídia também exerce uma grande influência no governo.

Diante disso e dos compromissos de campanha o prefeito ao assumir o governo fica "engessado", preso aos compromissos. É claro que pode não cumprir os compromissos mas isso é muito arriscado quando se trata de empresários ricos e poderosos, já que estes também financiam campanhas de vereadores, deputados e até mesmo governadores.

Para vocês verem a força dos grupos políticos notem que entra prefeito e sai prefeito, mas tem certas pessoas, alguns empreiteiros por exemplo, que são sempre os mesmos não importa quem seja o prefeito. Vejam outro exemplo, os contadores da PMT (os responsáveis pela prestação de contas) trabalharam com o Navegantes, nos governos do Parsifal e hoje estão com o Sancler, aliás ele próprio fez parte dos  grupos de Furman e Parsifal também... Por acaso? Coincidência?

O que a população tem que aprender é que se querem mudança de verdade tem que trocar o político e o grupo que o acompanha também (pelo menos o grupo do prefeito), a grande sacada e a grande estratégia do Sancler foi convencer uma grande parte da população de que era uma mudança, sendo que na verdade era um sucessor e levava com ele praticamente todo o grupo do Cláudio, tanto é verdade que podem notar que a administração é praticamente igual.

Vejam as principais e maiores secretarias, como por exemplo Saúde, Educação, Secretaria de Obras etc. Até a divisão e as brigas entre os grupos do prefeito e da vice são iguais. Tudo igual. Sancler fez o discurso de oposição com as vantagens da situação e conseguiu ludibriar até a raposa política do Cláudio Furman. Quando o Cláudio "acordou" já era tarde demais, Sancler mais esperto já trata de cortar as asinhas da vice, pois sabe que Deley tem vontade de ser prefeito. Deley teve que aceitar o "presente de grego" que é a Secretaria de Saúde, já que tinha que "abrigar" o seu pessoal com cargos na PMT, Sancler também abrigou, seu povo quando era vice, mas estava no controle da única Secretaria que não "queima" político, a Ação Social. Este foi o grande e fatal erro de Furman, Sancler não vai cometer o mesmo erro.

O povo antes de votar e de acreditar em promessas de campanha tem que ficar atento a estas dicas:

1 - O passado do político. Está provado que a corrupção é um desvio de personalidade incurável, não tem jeito, desviou dinheiro uma vez vai desviar sempre, é uma doença e não tem nenhuma cura. Por isso é tão importante a campanha Ficha Limpa.

2 - "Diga-me com quem andas, e eu te direi quem és". Nossos avós e bisavós diziam isso e estavam certos, é impossível à convivência e amizade entre um cidadão de bem e um desonesto. Jamais eles se sentirão bem com a companhia um do outro, e nem mesmo terão o que conversar. Portanto vejam quem está acompanhando o candidato, tem pessoas que tem um "faro" para perceber quem vai ganhar, muitos fazem "jogo duplo" e pulam do barco na hora certa, com isso ganhe quem ganhar sempre estarão debaixo das asas do poder, são verdadeiros parasitas do dinheiro público. Mas em sua maioria já são bem conhecidos e não é muito difícil os identificar.

3 – Verificar quem está financiando o político e escolher (se possível) os que fazem menos compromissos, já que ninguém financia campanha de graça, o preço geralmente é alto e é você quem vai pagar.

As eleições estão chegando, prestem bem atenção: Quem apóia quem? Quem é o grupo do candidato, são pessoas sérias? Não? Então nem tentem! O Brasil e Tucuruí agradecem...

Campanha Ficha Limpa, venha participar

Agora mais do que nunca a sua participação é importante para que possamos mostrar aos deputados e senadores que a população quer a aprovação do Projeto do MCCE: Ficha Limpa.

O PLP 518/09 está no Congresso Nacional há mais de 2 meses e precisa de sua colaboração para que entre na pauta de tramitação da casa. Divulgue o seu apoio e envie e-mails, cartas etc para os parlamentares e ajude a convence-los sobre a importância dessa iniciativa. Temos que mostrar que essa é a vontade popular.

Abaixo os e-mails dos Senadores e Deputados do Pará.

Senadores:

Flexa Ribeiro - flexaribeiro@senador.gov.br
José Nery - josenery@senador.gov.br
Mário Couto - mario.couto@senador.gov.br

Deputados:

Asdrubal Bentes - dep.asdrubalbentes@camara.gov.br
Bel Mesquita - dep.belmesquita@camara.gov.br
Beto Faro - dep.betofaro@camara.gov.br
Elcione Barbalho - dep.elcionebarbalho@camara.gov.br
Gerson Peres - dep.gersonperes@camara.gov.br
Giovanni Queiroz - dep.giovanniqueiroz@camara.gov.br
Jader Barbalho - dep.jaderbarbalho@camara.gov.br
Lira Maia - dep.liramaia@camara.gov.br
Lúcio Vale - dep.luciovale@camara.gov.br
Nilson Pinto - dep.nilsonpinto@camara.gov.br
Paulo Rocha - dep.paulorocha@camara.gov.br
Vic Pires Franco - dep.vicpiresfranco@camara.gov.br
Wandenkolk Gonçalves - dep.wandenkolkgoncalves@camara.gov.br
Wladimir Costa - dep.wladimircosta@camara.gov.br
Zé Geraldo - dep.zegeraldo@camara.gov.br
Zenaldo Coutinho - dep.zenaldocoutinho@camara.gov.br
Zequinha Marinho - dep.zequinhamarinho@camara.gov.br

quinta-feira, 18 de março de 2010

Denuncias sobre cursinhos & outros

Recebemos uma denuncia sobre um cursinho em Tucuruí e queremos informar ao denunciante que vamos averiguar e se possível documentar os fatos. Não vamos publicar a sua denúncia agora pois não queremos "assustar a lebre". Todos podem ajudar nos mandando provas como documentos, fotos etc.

Muitas denúncias também sobre vários projetos ao nível de município, estado e até federal, a coisa está muito solta, ninguém reclama, todo mundo aceita e o pessoal continua fazendo o que bem entende, e em vez do povo quem se beneficia é um bando de privilegiados e apadrinhados. 

Mas isso vai mudar, agora tem uma mídia séria em Tucuruí, nós vamos botar a boca no trombone, a batata está assando, quem pensa que está protegido por trás de altos cargos públicos está muito enganado, para nós isso não significa nada, nós não gostamos de pegar piabas, nos gostamos mesmo é de pescar peixes grandes e gordos (é muito mais divertido e profissional).

Continua o descaso com a educação em Tucuruí


Como todos sabem a prefeitura há anos não constrói uma sala de aula no município, como a demanda é alta o prefeito aluga salas de aulas dos amigos. Diante disso os alunos são jogados de um lado pra outro como animais, causando sérios transtornos aos próprios alunos e aos pais e prejudicando a educação e o aprendizado das crianças. 

Agora os alunos que estavam em salas alugadas no Colégio Positivo estão sendo transferidos para a UNIDERP, o que aumenta a distância e obriga os pais a mais uma despesa com ônibus, já que a prefeitura não fornece transporte aos alunos. 

Novos tempos, a prefeitura nunca em sua história foi obrigada a alugar salas de aulas para atender aos alunos da rede pública de ensino municipal. Apesar da enorme arrecadação a prefeitura está completamente falida. O interessante é que ninguém, nem mesmo os vereadores reclamam da Sec. de Educação...

Qual será o mistério?

ISSO É UMA VERGONHA!!!

quarta-feira, 17 de março de 2010

Um presente para você

(Mahatma Gandhi)

Se eu pudesse deixar algum presente a você,
 

deixaria aceso o sentimento
de amar a vida dos seres humanos.


A consciência de aprender
tudo o que foi ensinado pelo tempo afora...


Lembraria os erros que foram cometidos
para que não mais se repetissem.


A capacidade de escolher novos rumos.


Deixaria para você, se pudesse,
o respeito àquilo que é indispensável:


Além do pão, o trabalho.
Além do trabalho, a ação.


E, quando tudo mais faltasse, um segredo:


O de buscar no interior de si mesmo
a resposta e a força para encontrar a saída."

Independente, sustentado pela prefeitura de Tucuruí

Matéria do Diário do Pará

Dinheiro público financia times de futebol
Dinheiro público financia futebol paraense
É financiado pelos cofres públicos que o futebol do Pará tenta renascer. Seja via governo estadual ou por auxílios de prefeituras, o grande patrocinador do Campeonato Paraense é o dinheiro do povo.

Hoje, a grande fonte de recurso dos clubes da primeira divisão do Pará vem da negociação dos direitos de transmissão do Campeonato Paraense. O governo paraense, chefiado por Ana Júlia Carepa (PT), fechou a compra da competição para a TV Cultura, de propriedade do Estado. O sinal dos jogos da dupla Remo e Paysandu chega para mais de 100 municípios paraenses e até em cidades do Amapá, estado vizinho.

Além de investir em patrocínios de placas, o governo de Ana Júlia Carepa também coloca a marca do Banco do Estado do Pará na camisa de quatro dos oito clubes da primeira divisão estadual.

"O governo contribuiu muito para eu sanear o Paysandu. Antes o clube tinha R$ 120 mil mensais de patrocínio, agora são quase R$ 300 mil (contando mais três patrocinadores). Também recebemos R$ 1 milhão pela transmissão e os jogos chegam a ter 40% da audiência local", afirma o presidente do Paysandu, Luiz Omar Cardoso Pinheiro, ao Terra.

Como os jogos são televisionados, a presença de público, uma característica marcante do futebol paraense, diminuiu. "Caiu cerca de 30%", afirma Luiz Omar. Na decisão do primeiro turno, o clássico entre Remo e Paysandu atraiu 23 mil torcedores ao Mangueirão - a expectativa era de 42 mil.

O dinheiro de prefeituras também entra em cena no futebol do Pará. Cinco das oito equipes da primeira divisão são financiadas pelo poder municipal. Um desses casos é o Independente, sustentado pela prefeitura de Tucuruí. Após vários anos longe da elite paraense, o clube retornou em 2010 e chegou até as semifinais do primeiro turno.

Levando o nome de sua cidade, o Cametá é outro que se destaca - até outro dia, sequer tinha atividade profissional. Águia de Marabá, Ananindeua e São Raimundo são outros clubes bancados pelo dinheiro público.

"São Raimundo e Águia estão solidificados, se manteriam sem a prefeitura. Cametá e Independente teriam dificuldades", diz Luiz Omar, presidente do Paysandu.

"Desconheço isso (dinheiro de prefeituras), afirma Amaro Klautau, presidente do Remo. "Mas o apoio do governo lhe traz um retorno maravilhoso. Ele leva um serviço para quem tem essa paixão e não pode acompanhar", diz.  (Terra).

Veja a matéria...

Folha sob ataque II

As viroses que atacam à população de Tucuruí continuam a fazer estragos na equipe do folha, o que tem dificultado a obtenção de matérias e suas publicações. Esperamos a compreenção dos nossos visitantes e esperamos em breve voltar ao rítmo de sempre. 

Lamentamos informar aos nossos inimigos mas não é gripe suína não, podem devolver a gelada pro congelador e guardar as roupas de velório... Rs. 

Fuiiiiii!!!!!!

terça-feira, 16 de março de 2010

CMT - Folha divulga o trabalho em benefício do povo na última sessão...

"




                              "

Concentração de renda

Do Blog da Franssinete
 
O Congresso Nacional é o espelho da desigualdade social. Vejam só: cada paraense teria de trabalhar durante 281 anos para gerar riqueza equivalente à média do patrimônio de seus deputados federais. 
E ralar 519 anos, sem gastar um centavo, para gerar o equivalente ao patrimônio de seus senadores. Os dados são da Transparência Brasil e se referem a dezembro de 2007. De lá para cá, essa diferença já engordou, e muito.

segunda-feira, 15 de março de 2010

Vale condenada

Do Blog da Franssinete

A Vale foi condenada pelo juiz Jônatas Andrade, da 1ª Vara do Trabalho de Parauapebas, a pagar R$ 100 milhões em danos morais e R$ 200 milhões por "dumping social" (redução de custos da produção a partir da eliminação de direitos trabalhistas). 
Teria impedido empresas terceirizadas de registrar em planilhas de custo o pagamento das horas gastas em trânsito aos locais de trabalho e as terceirizadas, por sua vez, deixado de pagar essas horas aos empregados. 
=====================
Comentário do Folha - A justiça não está brincando, esse negócio de aumentar os lucros das empresas negando direitos trabalhistas aos funcionários não está mais compensando. Se a empresa que você trabalha explora o seu trabalho (não paga hora-extra, adicional noturno, vale transporte etc.), saiba que é só denunciar que "o bicho pega" pro lado do explorador. 
Fica de olho e não seja mais escravo de ninguém.

Corrupção - Mazela nacional

Do blog da Franssinete

A Polícia Federal investiga desde 2003, nos 27 Estados brasileiros, cerca de 30 mil crimes contra a administração pública: corrupção, peculato (quando servidor se apropria de dinheiro ou bem público), tráfico de influência, fraudes em licitações, emprego irregular de verbas, prevaricação (quando autoridade retarda ou deixa de praticar ato de ofício por interesse próprio) e concussão (extorsão praticada por funcionário público).

É tanto crime que a PF pede a criação e estruturação de duas divisões com atribuições específicas, uma para reprimir desvios de recursos e outra para investigar servidores e políticos envolvidos em malversação. .

EDUCAÇÃO EM TUCURUÍ: RETROCESSO


O SINTEPP – Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará através deste meio de comunicação, após receber denúncias, vem divulgar imagens do retrato da Educação em nossa cidade. As fotos são dos barracões improvisados alugados pela Secretaria de Educação para atender aos alunos matriculados no Ensino Fundamental. 

As fotos correspondem ao barracão no bairro do Getat, alunos da Escola Gumercindo Gomes, e ao barracão no bairro Jardim Colorado, alunos da Escola Maria Bernadete. O Colégio Positivo também está alugado para a Secretaria de Educação, e funciona como anexo da Escola Francisco de Assis Rios. Neste último, alugaram as piores salas, sem espaço adequado, sem ventilação, um ambiente totalmente inóspito. 

As condições destes locais como se pode perceber nas imagens, são bastante precárias, o que nos impressiona bastante, pois em Tucuruí a arrecadação mensal do FUNDEB, (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica) ultrapassa R$ 2.500.000,00 (dois milhões e quinhentos mil), e ainda soma-se a este valor o repasse constitucional do município para a Educação. Além das condições inadequadas, o calor chega a ser insuportável, é constante a falta de água e a falta de merenda escolar. Consideramos, toda esta situação, um retrocesso e um descaso para com a Educação. Não sabemos quanto está custando estes aluguéis. O SINTEPP protocolou pedido da cópia do contrato, mas até o momento a Secretaria de Educação não atendeu. 

O fato é que nos últimos quatro anos não foi construído nenhuma sala de aula. Isto demonstra que o atual gestor, (assim como o ex-prefeito) não tem compromisso com a Educação do nosso município. Já ouvimos falar muito da construção de novas escolas, mas nunca vimos nenhum projeto, até agora só propaganda. E, consequentemente, o resultado da falta de investimento em Educação é a precarização da Educação pública, é a superlotação dos alunos em sala de aula, falta de estrutura adequada, falta do mínimo necessário para se ofertar uma educação pública com qualidade.

Da Constituição Brasileira:

Art. 206. O ensino será ministrado com base nos seguintes princípios:
I - igualdade de condições para o acesso e permanência na escola;
(...)
VII - garantia de padrão de qualidade. (Grifo nosso)

Após estas constatações, fica também para nós muitos questionamentos. Os alunos estão tendo a igualdade de condições prescrita na nossa Constituição? Cadê a garantia do padrão de qualidade? Quais os rumos da Educação em Tucuruí?

Coordenação do SINTEPP de Tucuruí

sexta-feira, 12 de março de 2010

Belém - BOMBA BOMBA BOMBA !!! Fuzuê a vista


Do Blog do Bacana...
O TSE decidiu ontem, através do ministro Marcelo Ribeiro que o caso da cassação de Duciomar seja julgado e relatado pelo juiz federal Daniel Sobral e não pelo juiz José Maria do Rosário que concedeu a liminar para Dudu permanecer no cargo.
Isso conclui que o PMDB estava com razão quando reclamou que o juiz certo para julgar o caso era o juiz federal Daniel Sobral que sempre esteve com a matéria nas mão, o chamado juiz prevento.
Conclusão, a liminar que mantém Duciomar na prefeitura pode cair a qualquer momento.
Se a liminar cair Duciomar está cassado e Priante assume.
Fuzuê a vista em uma semana que promete ser movimentada.

Educação de mal a pior

Recebemos este e-mail de uma colaboradora de confiança.
=====================
Recebi a noticia que quarta-feira uma aluna desmaiou na Escola Ouro verde (ilha do lago). O Barco passa nas casas 5:30h da manhã para pegar essas crianças, muitas saem sem tomar café da manhã e quando chegam na Escola NÃO TEM MERENDA.

Alguns pais estão sem mandar as crianças para escola para não passarem fome pois o barco vem deixar de volta meio dia, 1 h da tarde.

Onde está sendo aplicada a verba que vem do Governo Federal para merenda escolar???

E ainda tem outras irregularidades, tem funcionário da secretaria de educação que é dono do barco que transporta as crianças, servidor publico alugando bens para a PMT...

Mas nessa administração vale tudo desde que seja amigo do prefeito.

Secretaria de Saúde joga fora remédios vencidos


As fotos acima foram feitas no PSF da Matinha.

Uma grande quantidade de medicamentos vencidos foi jogada fora hoje pela Secretaria de Saúde. Como se explica este suposto desperdício de dinheiro público?

Bom, normalmente existem pelo menos três explicações mais comuns...

A primeira seria a compra de medicamentos com o prazo de validade próximo do vencimento, nestes casos certas distribuidoras de medicamentos vendem estes remédios a preço real de mercado, e como estão próximo do vencimento na verdade não valem nada. O poder público compra estes medicamentos como se tivessem valor e os vendedores e os gestores dividem os lucros.. Como o prazo de vencimento é curto, os medicamentos acabam vencendo antes que possam ser distribuídos. Como não existem provas ou evidências de que seja este o caso, vamos para a próxima explicação.

Outra explicação possível, mas pouco provável seria que os medicamentos poderiam ter sido comprados em excesso, e desta forma estando muito acima da demanda não tiveram tempo de serem distribuídos antes do vencimento. Esta explicação é pouco provável já que a Secretaria de Saúde não pode variar a quantidade a bel prazer do gestor, e sim tendo como base o número de habitantes e um planejamento. Uma exceção poderia ser possível por exemplo, em casos de epidemias ou catástrofes (naturais ou não), nestes casos o gestor de saúde pode justificar um aumento momentâneo do volume de medicamentos comprados, inclusive sem licitação. O mesmo vale para uma redução da compra de medicamentos, também não pode ser feita a toque de caixa. Tudo tem que ser planejado e a aquisição de remédios não pode ser feita de forma aleatória.

A terceira hipótese e a mais provável, é que com a criação de uma farmácia central, o volume de medicamentos distribuídos sem controle, passa a ser controlado pelos médicos através de emissão de receitas, o que reduz a quantidade distribuída sem nenhum controle entre os funcionários e seus amigos, e neste caso o desperdício também diminui. 

No caso dos medicamentos básicos que podemos ver nas imagens, estes medicamentos normalmente não são bem aceitos pela população, que em grande parte não acredita em seus efeitos terapêuticos. A população não tem motivo real para acreditar nisso, já que são receitados pelos médicos mas é uma crença popular e é assim que acontece.

Unindo estes dois fatores, temos redução da distribuição e a sobra destes medicamentos, e eles vencem. Aliado a isso, já disse que a compra de medicamentos tem que ser planejada e não pode variar muito. De qualquer forma (pensamos nós) é melhor sobrar do que faltar.

Vejam, não estamos defendendo ninguém, pode estar faltando outros medicamentos e materiais hospitalares na saúde, não sabemos se continuam faltando (que nossos leitores se manifestem), mas até a bem pouco tempo faltava. O que queremos dizer é que neste caso específico temos que ser cautelosos antes de acusar sem conhecimento de causa. Antes de publicar esta matéria, como somos leigos no assunto, consultamos um membro do folha que já foi (há muito tempo) diretor do HMT e ele nos informou como a saúde pública funciona, e as prováveis causas da sobra de medicamentos. Soubemos que alguns vereadores estiveram no local após estas fotos, compete a eles cobrar da Secretária de Saúde as explicações para a sobra e o vencimento destes medicamentos.

O fato é que a população tem que fiscalizar e denunciar caso detectem alguma irregularidade. Tucuruí está avançando muito neste sentido graças a Deus. 

Vamos fiscalizar, e torcer para que o novo Conselho de Saúde faça um bom trabalho, afinal o dinheiro é nosso...