Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

Texto

As matérias mais recentes do Folha de Tucuruí

Últimas matérias do Folha

Publicidade

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Alckmin (PSDB) e Temer (PMDB), dois perdulários em meio à crise financeira brasileira e mundial esbanjam dinheiro público

Perdulários, gastança desenfreada em meio à crise brasileira e mundial.
O governo de Geraldo Alckmin (PSDB) perdoou R$ 116.000.000,00 (cento e dezesseis milhões) de dívidas da empresa Alstom envolvida nos escândalo do metrô e o sistema que São Paulo contratou será entregue com dez anos de atraso. 
                        
Segundo a imprensa este acordo teve início em 2013, mas estava sob sigilo em pleno vigor da Lei da Transparência, aliás, para o governo paulista, gasto público é sigilo e para ser de conhecimento da população, que paga a conta, depende apenas da conveniência, ou não do governador tucano...

Cada vez mais fica claro que a Lei no Brasil não foi feita para ser obedecida por Tucano, que as cumpre se quiser e se lhes for conveniente, mas como diz o Moro: Isso não vem ao caso...
        
Ao que parece o Governo de São Paulo está com os cofres lotados e passa longe da tal crise, já que o governador do PSDB se dá ao luxo de "perdoar" R$ 116.000.000,00 Cento e dezesseis milhões de uma empresa francesa (enquanto as empresas nacionais estão sendo levadas à falência).
      
O Governo Federal parece que também está muito bem de finanças, pois em plena "crise" dá aumento para o judiciário, Ministério Público, militares e outras categorias estratégicas, tudo para manter Temer e consequentemente PMDB/PSDB no poder.
         
Agora adivinhem quem vai pagar a conta?
         
É você quem paga, meu caro cidadão...
                   
André Resistência
       

Pesquisa DOXA e IBOPE para prefeito de Tucuruí

Tem duas pesquisas eleitorais para prefeito de Tucuruí nas eleições municipais deste ano, uma da DOXA encomendada por ela mesma terminou ontem (dia 24), e a outra do IBOPE contratada pelo Diário do Pará termina hoje (dia 25).
            
Logo que os resultados forem liberados, nós vamos divulgar a pesquisa para nossos leitores, lembrando que após o registro é obrigatório à divulgação dos resultados para conhecimento.
             
Achamos estranho a DOXA fazer a pesquisa por conta própria, será que tem um contratante que não quer aparecer? Se for o caso, qual será o motivo? No entanto estas são apenas conjecturas, pode não ter nada a ver...
         
A divulgação da pesquisa DOXA será no dia 29 (sexta-feira) e teve início no dia 21/07, já a pesquisa do IBOPE será divulgada no dia 28 (quinta-feira) e teve início no dia 22/07, notem que a pesquisa da DOXA começou um dia ANTES da pesquisa do IBOPE, mas a sua divulgação será um dia DEPOIS da divulgação da pesquisa do IBOPE...
       
A pesquisa da DOXA não tem contratante (pelo menos esta é a informação do registro no TSE) e será divulgada um dia após a divulgação da pesquisa do IBOPE. Uma mera coincidência???
     
Fonte das informações: Site do TSE.
         
 
   
         
André Resistência
   

quinta-feira, 21 de julho de 2016

O escândalo da Fraude na pesquisa do Data Folha para beneficiar Temer repercute internacionalmente

      

       
No The Intercept, a versão em português da nova reportagem de Glenn Greenwald e Erick Dau sobre o escãndalo da pesquisa Datafolha: NA QUARTA-FEIRA (20), a Intercept publicou um artigo documentando a incrível “fraude... Leia a matéria completa.
          
Uma vergonha para os brasileiros ter que aturar a grande imprensa, golpista, desonesta, podre e corrupta.
     
Sorte os brasileiros poderem contar com a Internet e a blogosfera livre e independente.

A grande imprensa hoje no brasil não tem nem a credibilidade de um assaltante de esquina.
        
ISSO É UMA VERGONHA!!!
       

As Olimpíadas em tempos de golpe...


SINSMUT pede informações à ASERT sobre a cobrança de atendimento médico na Clínica Tucuruí

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais SINSMUT, solicitou à ASERT informações sobre a cobrança de atendimento médico na Clínica Tucuruí e sobre o convênio comercial.
       
Vários funcionários da prefeitura procuraram o SINSMUT para reclamar do atendimento da ASERT, o que motivou o pedido de informações.
     
O pedido do sindicato é justificado, pois o mesmo, até para tomar se for o caso, providências jurídicas, antes tem de tentar resolver administrativamente a questão dos direitos dos associados da ASERT e a solicitação de informações é a primeira providência a ser tomada.
        
No entanto todos sabem a razão dos problemas da ASERT e o sofrimento dos associados que necessitam de atendimento médico, acontece que o servidor para a sua contribuição para a ASERT e a Prefeitura se apropria dos recursos e desvia o dinheiro para outras finalidades, sendo que a direção da associação não toma as providências jurídicas cabíveis devido ao envolvimento político da sua direção com o Prefeito Municipal, e no final quem paga ao pato e sofre são os funcionários municipais.
                   
 André Resistência.