Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Predio da Garagem da Prefeitura é interditado pelo Corpo de Bombeiros

Após denuncia de que a estrutura do Prédio da Garagem da Prefeitura de Tucuruí estava em péssimas condições e ameaçava desabar, e que os funcionários estavam correndo risco de morte, o SINSMUT (sindicato dos Servidores Municipais de Tucuruí) solicitou que o Corpo de Bombeiros fizesse a vistoria no local.
    
Ficou contatado na vistoria que o prédio (telhado) está com o madeiramento totalmente podre e corrido pelos cupins, inclusive em certas partes escorado com paus, e, portanto corre o risco de desabar a qualquer momento causando uma tragédia, podendo ceifar a vida dos servidores municipais e visitantes que trabalham e/ou transitam pelo local. Diante do risco iminente de desabamento do telhado, o Corpo de Bombeiros interditou e lacrou o local.
    
Tivemos informações que a pouco mais de um ano o local foi "reformado" e que o responsável pela obra teria sido o irmão do prefeito. 
    
Soubemos também que apesar da interdição, alguns funcionários ainda passam pelo local para trabalhar colocando suas vidas em risco. 
    
Caso a estrutura desabe em cima de alguém e aconteça uma tragédia, o responsável é o Secretário de Serviços Urbanos e o Prefeito Sancler.
    
Vejam as imagens.
      
Vice-presidente do SINSMUT e o Corpo de Bombeiros fazendo a vistoria na Garagem.
   
A situação do madeiramento do telhado.
   
   
    
A garagem interditada.
     

8 comentários:

  1. O sinsmut nao pode querer abracar os problemas que a defesa civil corpo de bombeiro tem que resolver pois o sinsmut tem que tar voutado para os problemas do servidor data base e cada um faca sua parte

    ResponderExcluir
  2. É lamentável a ignorância de algumas pessoas quanto aos deveres e obrigações de um sindicato.
    Segurança do trabalho é responsabilidade do sindicato Gênio.
    Se você não sabe o que é um sindicato faria melhor se ficasse calado e não falasse besteiras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este é o nível de inteligência dos assessores do Prefeito. Kkkk.

      Excluir
    2. Uma sugestão ao SINSMUT é que façam uma cartilha ensinando o que é um sindicato, seus deveres, obrigações e competências. O comentário do anônimo mostra que muitas pessoas ignoram totalmente o que é um sindicato.
      Pensam que sindicato só serve para negociar salário, e muitos pensam que sindicato só serve para puxar saco de prefeito, como no caso dos vereadores.

      Excluir
  3. No caso do sindicato de tucurui nao ta servindo nem pra negociar data base pois conseguil 4 por cento e perdeu 2 dois tem um milhao de prosseso contra deus eo mundo e numca da em nada e sempre vamos resolver mais eu vou amanha tirar meu nome do sinsmut quando pois quamdo ajente poder comentar sem ser chamado de puxa saco etc voutamos pro u, sinsmut a onde podemos dar opiniao mesmo sendo tachado de burro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Editor do Folha não é sindicalista e nem político, sindicalista é o Raimundo, e você tem o direito de retirar seu nome de onde quiser o país é livre.
      Não chamei você de burro, disse que você ignora o que é sindicato e ignora mesmo. Volte para a escola e aprenda a interpretar texto para que possa entender o que você lê. E a discussão está encerrada.

      Excluir
  4. Nao sou puxa saco de prefeito de sinsmut de asert e nem do diretor sou funcionario publico que tem uma opiniao

    ResponderExcluir
  5. Os Funcionários Municipais podem ficar tranquilos quanto à Data-Base, sabemos que o Prefeito tem a intenção de dificultar as negociações para não dar aumento ao funcionalismo e continuar sustentando milhares de contratados sem concurso na PMT à custa do dinheiro público.
    Na data-base anterior, o sindicato não estava legalizado e a atual direção não teve tempo de armar uma estratégia, agora é outra história, o SINSMUT teve um ano para se preparar e já conhece de cor e salteado a estratégia do Prefeito.
    O SINSMUT vai fazer de tudo para negociar e resolver tudo em um acordo que seja bom para ambas as partes, mas se não for possível e o Prefeito insistir em prejudicar o sindicato e o funcionalismo, como tem feito nos últimos quatro anos, o sindicato vai reagir.
    Fiquem tranquilos que os tempos mudaram e o SINSMUT não é mais o mesmo de antigamente. Quem não acredita que pague para ver.

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!