Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

terça-feira, 26 de maio de 2015

Vereadores autorizam o Prefeito a vender o patrimônio público

                     
Foi aprovada por unanimidade a Lei que dá amplos poderes ao Prefeito Sancler Ferreira (PPS), para criar Parceria Publico Privada em todos os setores da nossa cidade, água, escolas, hospitais, limpeza pública, institutos, enfim, vender a Prefeitura e o seu patrimônio, isso é um crime lamentável, a população tem que se unir amanhã 27 no centro de convenções Participar da Audiência Pública para não permitir que eles continuem a fazer as coisas contra o as Leis. Todos votaram a favor, apenas o Vereador Flor estava ausente não sei se o voto dele foi computado, justificado.
   
Na verdade o problema é o seguinte: Está cada vez mais complicado fazer caixa de campanha, pois os empresários estão "cabreiros" diante das prisões e os prejuízos que tiveram com a corrupção na Petrobrás, além disso, é bem possível que a contribuição de campanha das empresas seja proibida pela reforma política. 
    
Neste caso, os empresários estão investindo nas prefeituras, menos fiscalizadas e com câmara municipais inúteis e vereadores venais. No caso do Prefeito e dos vereadores, os mesmos estão preocupados com o fim do mandato no ano que vem e com o dinheiro para suas campanhas.
   
Assim eles faturam com a venda do patrimônio do povo de Tucuruí e mesmo que percam seus mantados, continuarão mamando e parasitando o povo da cidade por muitos anos.
   
No caso os empresários construirão o novo Prédio da Câmara e o Hospital Municipal para alugar para a Prefeitura e CMT pode dez anos ou mais. Ninguém vai fiscalizar o preço da obra que provavelmente será superfaturado, construídos com material de terceira e alugados por um preço escorchante e com juros altíssimos embutidos. No fim do prazo do aluguel o povo de Tucuruí terá pagado os prédios por um preço vinte vezes o que valem.
   
Com isso prefeito e vereadores fazem o caixa de campanha e fazem o seu pé de meia para depois do término dos seus mandatos. Os Prefeitos e seus vereadores estão tentando vender Tucuruí.
    
No Caso da Nossa Água, a Audiência Pública foi tumultuada, pois o povo de Tucuruí não aceita a venda do seu patrimônio e pagar duas vezes pela mesma água, pois a Eletronorte fornece está água de "graça" para a Prefeitura e as despesas da captação e tratamento é feita com recursos do Governo Federal, ou seja, com dinheiro dos impostos pagos pela população.
     
Vídeo da Audiência Pública
                
Vídeo do adiamento da Audiência
               
Vídeos de autoria da Srª. Suely Carvalho.
           

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!