Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

Texto

As matérias mais recentes do Folha de Tucuruí

Últimas matérias do Folha

Publicidade

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Veja como estão 5 grandes obras pelo Brasil

Veja como estão 5 grandes obras pelo Brasil
                                                
Obra de transposição do Rio São Francisco em Floresta, no estado de Pernambuco

1 - Transposição do Rio São Francisco
          
Com o objetivo de garantir segurança hídrica a uma população de 12 milhões de pessoas dos estados de Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte, as obras de transposição do Rio São Francisco avançam em ritmo acelerado. 

Em outubro de 2014, foi entregue a primeira Estação de Bombeamento do Eixo Leste, em Floresta (PE). Em agosto de 2015, ficou pronta a primeira Estação de Bombeamento do Eixo Norte, em Cabrobó (PE). Com isso, a água já começa a chegar a algumas das áreas mais áridas do Nordeste e 390 municípios serão beneficiados. 

A previsão é que tudo esteja concluído entre dezembro de 2016 e início de 2017. O investimento total no projeto está na casa de 8 bilhões de reais.
   
2 - Usina Hidrelétrica de Santo Antônio
           
Comportas da Usina Hidrelétrica de Santo Antônio, em Rondônia
A usina hidrelétrica de Santo Antônio, localizada em Porto Velho, no estado de Rondônia, começou a gerar energia em março de 2012. Atualmente, 33 de suas turbinas já estão em operação comercial. 
           
O primeiro grupo de turbinas começou a funcionar na margem direita do Rio Madeira. Em 2015, foram iniciados os testes de comissionamento de mais de uma dezena de turbinas, que passarão a produzir energia gradativamente. 
           
A previsão é que Santo Antônio esteja totalmente concluída – com um total de 50 turbinas operando – em novembro de 2016. A potência total da usina, de 3 568 megawatts, é suficiente para produzir energia que atenda ao consumo de uma população de cerca de 45 milhões de pessoas. 
               
Essa é a terceira maior hidrelétrica em construção no país, com um investimento total de 20 bilhões de reais.
         
3 - Usina Hidrelétrica de Jirau
             
Área alagada pela água liberada pelos reservatórios da Usina Hidrelétrica de Jirau, em Rondônia
Na Ilha do Padre, a 120 quilômetros de Porto Velho, em Rondônia, a usina hidrelétrica de Jirau produz energia com a água do Rio Madeira desde setembro de 2013. O empreendimento deve encerrar 2015 com 41 unidades geradoras em funcionamento.
       
Quando ficar totalmente pronta, a usina terá 50 turbinas e capacidade instalada de 3 750 megawatts. Isso é o bastante para abastecer aproximadamente 10 milhões de residências. Mais de 60 000 empregos são gerados pela construção, que foi iniciada já há cinco anos. 
     
O cronograma, que está adiantado em algumas etapas do projeto, prevê a conclusão da obra em agosto de 2016. O investimento previsto é de 17 bilhões de reais.
      
4 - Ferrovia Norte-Sul

Trecho da Ferrovia Norte-Sul em Anápolis, no estado de Goiás
Projetada ainda na década de 1980, a ferrovia Norte-Sul – que pretende ligar o Maranhão ao Rio Grande do Sul – começou efetivamente a ficar pronta apenas nos últimos anos. Um trecho de 719 quilômetros, entre Açailândia (MA) e Palmas (TO), foi concluído em 2010 e está em operação comercial. 

Outro trecho, que segue dali até Anápolis, em Goiás, foi concluído em 2014. O foco, atualmente, se concentra na chamada Extensão Sul, que liga Ouro Verde (GO) a Estrela d’Oeste, no estado de São Paulo.

Só no Programa de Investimentos em Logística (PIL), do governo federal, lançado em 2015, os investimentos previstos na Norte-Sul beiram os 13 bilhões de reais.

5 - Refinaria Abreu e Lima

Construção do sistema de tochas da Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco
Localizada em Ipojuca, no estado de Pernambuco, a Refinaria Abreu e Lima iniciou as operações em novembro de 2014. A inauguração da Rnest – como também é conhecida – marcou o fim de um período de 35 anos sem novas unidades de refino construídas pela Petrobras no país. 
              
Sua função é transformar petróleo em combustível para atender as regiões Norte e Nordeste. Em pouco mais de seis meses de funcionamento, a refinaria processou 11 milhões de barris de petróleo. Mas o projeto ainda não está totalmente pronto. 
        
A previsão é que as obras totais sejam concluídas até 2018. Quando isso acontecer, a Rnest terá capacidade para processar 230 000 barris de petróleo pesado por dia, transformados em produtos como GLP, diesel, nafta e coque. Será a quinta maior unidade em capacidade de refino da Petrobras, demandando investimentos de 40 bilhões de reais.
                    

4 comentários:

  1. Essa transposição do são francisco esta igual a construção demuma piramide .Não tem fim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é muito bom, a grande pirâmide de Gisé foi construída em 2550 A.C está concluída há mais de quatro mil anos e existe até hoje, e a maioria das pirâmides, que na verdade são túmulos, foram concluídas sim.
      Quanto á Transposição a primeira parte da Em agosto de 2015, ficou pronta a primeira Estação de Bombeamento do Eixo Norte, em Cabrobó (PE). Com isso, a água já começa a chegar a algumas das áreas mais áridas do Nordeste e 390 municípios serão beneficiados.
      Enquanto a transposição do velho Chico leva água à população e á lavoura do nordeste, o PSDB mal consegue manter a distribuição básica de água para consumo familiar da população de São Paulo, a terra da garoa... Patético!!!

      Excluir
    2. Ei Folha fala pros tucanos dissimulados para pedir ao Aécio para devolver os 3 bilhões da saúde pública de Minas Gerais, devolver as propinas de Furnas e da Petrobrás que ele embolsou segundo as delações premiadas da Lava Jato, e fala pro FHC devolver as propinas da reeleição e a grana das privatizações, ai sim, poderão falar em corrupção, por enquanto os tucanos não tem moral para falar de ninguém, parece até o Jordy falando na honestidade dos políticos PPS, o partido que faz uma das administrações mais corruptas da história de Tucuruí, e parece até o Ademir Andrade (PSB) condenado pela Justiça Federal por desvios de dinheiro da Companhia Docas do Pará (CDP), se fazendo de bonzinho nas propagandas políticas na televisão...

      Excluir
  2. Pior é o governo corrupto do PPS em Tucuruí, que não consegue distribuir água para a população, mesmo o município tendo o Rio Tocantins e a barragem da hidroelétrica, e mesmo a Eletronorte tendo feito 100% das obras de ''transposição'' e tratamento da água da barragem, faltando só a prefeitura terminar de canalizar a água até a cidade e distribuir, isso sim é uma obra interminável e uma colossal incompetência.

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!