Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Ministério Público instaura Procedimento Administrativo para apurar irregularidades na Saúde Pública em Tucuruí

    
O Ministério Público Estadual em Tucuruí resolve instaurar Procedimento Administrativo para apurar irregularidades apontadas pelo Relatório do Departamento Nacional de Auditoria do SUS – MS/SGEP, bem como relatório do Serviço de Auditoria do Pará para a Saúde – Supervisão Técnica – SEAUD/PA, que atestam e confirmam o fato de que a Prestação do Serviço Essencial de Saúde Pública em Tucuruí mostra-se muito aquém do mínimo exigível e aceitável por todas as irregularidades que foram detectadas, atestando a não prestação de contas (Verbas desviadas de suas finalidades) pela Prefeitura de Tucuruí com relação à parte das referidas verbas (valores apontados nos relatórios).
     
   

22 comentários:

  1. Será que o Parsifal vai dar um jeito de defender de novo o Sancler? É de conhecimento público que peemedebistas e caciques do PMDB tem imóveis, veículos e vários cargos na administração municipal isso fora o que não sabemos.
    Segundo nos contaram, Sancler estava mesmo encrencado e a ordem para a "demissão" dos advogados e consequente arquivamento do processo partiu mesmo da Cúpula do PMDB em Belém.
    Nós já sabíamos que ninguém do PMDB em Tucuruí teria coragem de enfrentar o Parsifal tomando uma atitude desta sem autorização.
    Estamos colhendo informações de colaboradores que tem conhecimento do que realmente aconteceu, e logo que soubermos de mais detalhes, faremos uma matéria sobre o assunto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ninguém estranhe se o deputado apoiar (mesmo que nos bastidores), a candidatura do Sancler para presidente da Associação dos Municípios do Araguaia e Tocantis.
      Corre ainda nos bastidores que o Prefeito de Tucuruí sonha e trabalha para ser o vice do Jatene nas próximas eleições, por isso a importância que o alcaide está dando a eleição da AMAT.
      E enquanto Sancler viaja correndo atrás dos votos dos prefeitos, seus parentes tocam o terror na Secretaria de Educação. Dizem que nunca antes na história de Tucuruí, se viu tanta perseguição na secretaria.

      Excluir
    2. Dizem que as perseguições não poupam nem mesmo aliados e vereadores sem bagagem..

      Excluir
  2. 1° O Dep. Parsifal sempre esteve ao lado do Sancler. TUDO absolutamente TUDO que passou incluindo a eleição de 2012 foi pura armação, começando pela ida do DEM para junto do Cláudio Furman.
    2° Sancler não sonha em ser vice do Jatene mas, a 1ª dama será candidata a Dep. Federal. Parsifal já sabe!
    3° É dada como certa a vitoria do Sancler na AMAT.
    4° Para finalizar o MPE é controlado pelo Jatene e não pelo PMDB como alguns pensam, logo isso morre antes de nascer. Opinião minha: O MPF iniciou a muito tempo Procedimento investigatório a respeito do referido relatório e encaminhou a mais de 8 meses oficio ao dito MPE Tucuruí informando da situação, e só agora que eles iniciam. Tenham dó! O MPE poderia pelo menos concluir (UM) dos diversos encaminhamentos que foram realizados e que dormem em berço esplendido.
    5° confio no Promotor Charles e espero não me decepcionar.

    ResponderExcluir
  3. amigos do folha pq o MPF nao conclui a investigacao ja que a verba é federal? pq se depender do MPE vai ser dificil se a 8 meses foi enviado oficio e nada comecou imaginem agora,vao ja transferir o promotor de tucurui,parabens folha pela postagem

    ResponderExcluir
  4. A adjunta da SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO, não está tocando terror na secretaria de educação,,ela está colocando ordem, pois somente assim a "bois e vacas" ficam magros...entendeu?!!!!!

    ResponderExcluir
  5. a atuação conjunta entre MPF e MPE visa recuperar os valores "desviados" onde cada orgão vai buscar reaver as verbas que lhe cabem,ou seja MPF buscar as verbas federais(80% dos valores) e o restante será o MPE.

    ResponderExcluir
  6. só a titulo de informação dos 8 milhoes desviados,e depois de todos os beneficios(acordos,parcelamentos,retificações,etc) que a lei permite,pois a lei é feito por corruptos(deputados),resta a secretaria de saude a epoca, a devolução de mais de R$ 600 mil,que agora entrará na fase de execução(cobrança) desse valor,os quais cabe ao MPF e MPE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Complementando a informação do anônimo: Está sendo solicitado o acompanhamento deste processo pelo CNJ, dado o histórico de impunidade em relação ao Prefeito de Tucuruí.

      Excluir
    2. Além da devolução, os responsáveis terão que responder criminalmente pela má utilização do erário público.

      Excluir
  7. FOLHA DE TUCURUI, fica de olho em quem vai ficar com a propaganda milhonaria da PMT, a SHEKNAH,que é a produtora do Marcio Guedes (gerente da libral tucurui) já está mexendo os pauzinhos pra ganhar mais uma vez, e ficar com milhões da PMT,ou seja do povo...fica de olho.....quero justiça, e que seja feito uma Licitação honesta , e justa....

    ResponderExcluir
  8. uma falha tanto do MPE quanto da reportagem é não mencionar nominalmente os acusados de desvio,pois a epoca a secretaria era a nilda-vice prefeita,não cabendo acusações ao atual secretario,que se cometeu algum desvio esse não está(ainda) em apuração.folha favor corrigir a informação e dar nomes aos bois.

    ResponderExcluir
  9. A investigação do MPE e MPF é sobre má utilização do dinheiro da saúde pública em Tucuruí, apontados pelas auditorias do SUS.
    A responsabilidade de cada um será apurada no decorrer das investigações e do processo, não tem pressa.
    A nós do Folha interessa tão somente a devolução do dinheiro público e a punição dos responsáveis, não importando quem sejam.
    Não importa quem são os bois, nós queremos saber mesmo é quando e onde será o churrasco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que fique bem entendido: Nós dissemos que queremos o churrasco, e não a pizza.

      Excluir
    2. a responsabilidade objetiva já foi determinada,é da secretaria de saude nos anos de 2009 e 2010,isso é fato,somente não foi citado na portaria e nem na reportagem.pois senão seria cometida injustiça pois quem desviou foi a HENILDA e quem vai preso é o atual secretario.quanto ao dinheiro a ser devolvido independente de qualquer coisa o dinheiro sairá da secretaria de saude mesmo.

      Excluir
  10. e certo que os funcionarios do TCU venha e preste serviço pra prefeitura e depois eles mesno venhao verificar as comtas que eles mesno ajeitaro

    ResponderExcluir
  11. kinha cantao2/22/2013 2:01 PM

    Gostaria de torna-se publico a minha insatisfação em relação as atitudes do Prefeito e sua sec.de Administraçao Nilda Ferreira atitudes arbitrarias em relação a corte dos salarios de Funcionarios concursados,e isso aconteceu comigo mesmo,vale ressaltar que seu irmão é agente Prisional e recebe 1400 reais só de hrs extras.sua cabeleira ganha da PMT.vou protocolar uma açao no ministerio Público Estadual e Policial Federal para que sejam apurados as irregularidades desta Prefeitura...kinha Cantão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. amigo kinha manda suas reclamacoes para falamdo com a presidenta mano pode mandar que tu vai ter respostas aqui na minha cidade eu sempre tenho

      Excluir
    2. amigo por favor divuque o numero deste processo por favor

      Excluir
  12. parabens kinha cantao pela sua postagem e coragem,o sancler é perseguidor,vc que irmao de ums dos vereadores mais votados na ultima eleicao vereador cantao ta sofrendo isso imagine o restante dos funcionários,e vc tambem foi um grande cabo eleitoral do sancler,pelo jeito kinha ainda vem muita perseguicao por ai.agora é so vitoria!!!!!

    ResponderExcluir
  13. Gostaria de saber do anonimo como faço para reclamar no falando com a presidenta dilma

    ResponderExcluir
  14. amigo anonimo e so entra no google e escrever fala com a presidenta e ja aparece ai e so clik; parabems vc esta esta fazemdo a coisa certa, ela vai ti respamder e teu nome fica sem aparecer pra nada pode fazer que e seguro aqui na minha cidade recebi a resposta satifastoria ...

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!