Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

Texto

As matérias mais recentes do Folha de Tucuruí

Últimas matérias do Folha

Publicidade

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Delírios, farsas e CIA...

Delírios, farsas e CIA...
      
É assim que a grande imprensa quer que você e o mundo vejam o Brasil...

O Brasil da grande imprensa nacional
E esta a realidade do Brasil atual, tudo normal, todo mundo trabalhando e cuidando da vida...
         
O Brasil real (Avenida Paulista)
         
Esta é a imagem que os políticos moralistas sem moral querem passar para a população...
    

Mas na realidade eles são assim...

       

3 comentários:

  1. Todo mundo no trabalho e com um sorriso no rosto pela inflação dos preços e aumento dos impostos, isso claro, aqueles que tem empregos pois quem não tem é apenas uma estatística.

    ResponderExcluir
  2. Para quem quer trabalhar e tem competência não falta emprego, o Brasil tem uma das a menores taxas de desemprego do mundo. Mas vamos comparar: Os três países da Europa com maior taxa de desemprego estão na zona do euro: Grécia (27%), Espanha (26,8%) e Portugal (17,8%). Em número absolutos, há 26,588 milhões de desempregados na União Europeia, dos quais 19,375 milhões estão em países da zona do euro. A taxa média de desemprego na Europa é de 11% superior aos 8.3 do Brasil. Agora vamos falar de imposto?

    A Suécia tem a maior alíquota máxima do tributo e o Brasil tem a carga tributária menor que na Suécia, igual a da Alemanha e próxima da Espanha e EUA.

    País - Suécia - Carga tributária total (em % do PIB**) - 53,2%
    País - Alemanha - Carga tributária total (em % do PIB**) - 36,4%
    País - Espanha - Carga tributária total (em % do PIB**) - 35,2%
    País - EUA - Carga tributária total (em % do PIB**) - 29,6%
    País - Brasil - Carga tributária total (em % do PIB**) - 36,4%

    Agora, se não fosse a corrupção e a sonegação o imposto seria bem menor, no entanto o Brasil ainda é um dos melhores países do mundo para se viver, não temos desertos, geleiras, furacões, terremotos, guerra, guerra civil ou guerra de raça e religiosa. O maior problema do Brasil é o complexo de vira-lata onde o Brasileiro não valoriza seu país, pelo contrário, o brasileiro (ignorante) adora falar mal da nossa pátria. No tempo da ditadura os militares tinham a solução para isso, eles simplesmente diziam: "Brasil, ame-o ou deixe-o." Isso é uma aberração, mas no caso acho até lógico, se não gosta do Brasil, se acha que aqui não presta, é só procurar um país melhor, ninguém é obrigado a ficar no Brasil se não quiser, então... Boa viagem...

    ResponderExcluir
  3. O mundo não é um paraíso ou um mar de rosas, Países, empresas e pessoas sempre tem seus altos e baixos e crises, incluindo financeira, são normais na vida das pessoas. Existe uma crise econômica mundial e o Brasil, pode acreditar, está neste planeta e portanto sofre com esta crise como todos os outros países do mundo. Este é o efeito da globalização, onde todas as economias são afetadas diante de uma grande crise como a que o mundo está passando hoje.
    Na verdade o problema da grande imprensa e de alguns partidos políticos é a inconformidade com o resultado das eleições para presidente e querem a qualquer custo um terceiro ou até quarto turno, o que felizmente não vai acontecer. Eleição se ganha com maioria de votos e não com golpes de estado. O povo sabe disso e os políticos estão todos em um abraço de afogados, nenhum problema vai se resolver destruindo e trabalhando contra o Brasil, substituir um partido por outro muito mais corrupto não resolve a situação. Para sair da crise a fórmula é só uma, tanto faz para crise do país, das empresas ou individual, só existe uma saída: Economizar, reduzir gastos, trabalhar e ir em frente... Ficar criando, imaginando e pregando o apocalipse e golpes, continuar a criar crises políticas e continuar eternamente chorando e procurando se vingar de uma eleição perdida também não resolve. A última pesquisa mostrou que o povo não é tão burro como pensam os políticos, eles estão todos no mesmo barco e em um abraço de afogados.

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!