Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

Texto

As matérias mais recentes do Folha de Tucuruí

Últimas matérias do Folha

Publicidade

segunda-feira, 7 de março de 2016

Em Tucuruí, PSICOPATAS E BÊBADOS IRRESPONSÁVEIS pilotando lanchas e jet-ski, colocam em risco a vida de proprietários e passageiros de pequenas embarcações

Imagem ilustrativa
Ontem por volta das 17:00 horas um dos editores da Folha de Tucuruí e a sua esposa vinham em uma pequena canoa rabeta navegando pelo rio Tocantins próximo ao bar flutuante na estrada da balsa, quando o condutor de uma lancha branca jogou de propósito a embarcação para cima da rabeta desviando quase em cima e a poucos metros da canoa, o que provocou um banzeiro que por pouco não afunda a embarcação, colocando em risco a vida dos ocupantes da canoa, não fosse a perícia e a sorte do condutor da rabeta a palhaçada deste psicopata irresponsável poderia ter ocasionado uma fatalidade.
        
Além de o psicopata atentar contra a vida dos ocupantes da rabeta, ainda a lancha com capacidade estimada em oito pessoas transportava mais de vinte pessoas, sem coletes, inclusive várias crianças e o pior, muitas crianças sem salva vidas estavam sentadas nos fundos da lancha e como os pés de fora da embarcação, caso alguma tivesse caído com certeza teria sido sugada pelos hélices da lancha.
          
Ainda por cima a lancha estava sem identificação contrariando a legislação (de acordo com a Lei, a identificação alfa numérica de embarcações é obrigatória e o nome do barco facultativo), se algum psicopata destes matar alguém não tem como identificar a embarcação e o assassino.
          
Depois desta tentativa de homicídio começamos a perceber que vários jet-skis estavam navegando com excesso de passageiros (3 ou 4), com os ocupantes sem colete salva vidas e alguns pilotados por crianças de oito/dez anos e em alta velocidade e fazendo manobras arriscadas. Os donos dos jet-ski particular ou das empresas de aluguel são responsáveis por quem conduz as suas embarcações, e podem ser responsabilizados civil e criminalmente pelo uso inadequado das embarcações, por colocarem direta e indiretamente e de forma deliberada a vida das pessoas em risco, e no caso de acidentes fatais podem ser responsabilizados por coautoria em homicídio doloso (quando há intenção de matar) perante a justiça. 
     
Não são todos os donos de embarcações que são psicopatas irresponsáveis, mas alguns deles são verdadeiros criminosos e enchem a cara de álcool e outras coisas, e como tem dinheiro e são da "sociedade" tucuruiense, acham que podem humilhar e colocar em risco a vida dos ribeirinhos e suas famílias que navegam em pequenas embarcações, assim como se acham no direito de colocar em risco os próprios ocupantes da embarcação que "pilotam". 
       
Depois do que aconteceu com nosso editor, conversamos com vários ribeirinhos e eles nos disseram que as tentativas deliberadas de donos de lanchas e jet-ski, muitas vezes embriagados de afundar pequenas embarcações e de assustar seus condutores apenas por "diversão" e para "aparecer" para a mulherada acontece com frequência, principalmente nos fins de semana em Tucuruí. 
        
Estes psicopatas canalhas e irresponsáveis aproveitam que geralmente os ribeirinhos e proprietários de canoa rabeta, são pessoas simples e tem medo de denunciar estes "riquinhos" metidos a besta devido à posição social e econômica que ocupam, mas isso não pode continuar de forma alguma, é preciso tomar providências antes que uma tragédia aconteça e vidas preciosas se percam. Só que desta vez um destes psicopatas atentou contra a vida das pessoas erradas.
                
Mas a culpa é também dos órgãos de fiscalização, como a Capitania dos Portos e Corpo de Bombeiros, que não cumprem com a sua obrigação de garantir a segurança das embarcações, como por exemplo, exigir o uso de coletes e a identificação nas embarcações, principalmente as embarcações com motores potentes e que atingem grandes velocidades na água. Outra coisa, em Tucuruí não tem como os proprietários regularizarem sua situação perante a Marinha com a licença para pilotar embarcações (Arrais-Amador), a Prefeitura e a Marinha, além de fiscalizar deveriam facilitar a legalização dos proprietários de pequenas embarcações que não tem recursos para viajarem até a capital para se legalizarem.
                  
Gostaria de saber se a Capitania dos Portos e o Corpo de Bombeiros estão esperando acontecer uma tragédia com perdas de vidas para cumprirem com a sua obrigação e fiscalizar as embarcações e a segurança da navegabilidade no Rio Tocantins na orla de Tucuruí.
               
É preciso que as autoridades façam um trabalho preventivo e de educação náutica em Tucuruí e dê condições para que as pessoas naveguem de forma segura e que tenham a oportunidade de se legalizarem.
             
A denuncia e o aviso foram dados, de agora em diante se acontecer uma tragédia em Tucuruí a responsabilidade será das autoridades, caso não sejam tomadas as devidas providências para a segurança da população que usa o Tocantins como meio de transporte e lazer, e para afastar os loucos, bêbados e psicopatas da condução das embarcações.
           
Pedimos aos ribeirinhos, banhistas e passageiros das embarcações, que se possível filmem com celulares estes ataques e abusos e nos enviem para que possamos tomar as devidas providencias Junto à Capitania dos Portos e o Ministério Público, pois tentativa deliberada de afundar embarcação é tentativa de homicídio, e os criminosos devem ser responsabilizados criminalmente por seus atos.
      
Estamos enviando cópia desta matéria para a Capitania dos Portos e para o Corpo de Bombeiros para que tomem conhecimento da situação em Tucuruí e para que mais tarde não aleguem ignorância.
          
ISSO É UMA VERGONHA!!!
                     

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!