Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Nova rodada de negociações Sindicatos/PMT será na quinta-feira


   

Uma nova rodada de negociações entre SINSMUT, SINTEP e PMT será na quinta-feira da próxima semana.
     
Muitas pessoas tem nos procurado pessoalmente e por e-mail, querendo saber sobre a questão dos contratados que ganham menos que os efetivos e sobre o concurso público, que na verdade interessa a toda a população. 
    
A questão da equiparação salarial dos contratados não está na pauta de negociação da data-base e deve ficar para negociações posteriores. Ocorre que uma parte dos contratados ganha menos que os efetivos, mas outra parte ganha bem mais. No caso dos que ganham mais, são os contratados que recebem horas extras e gratificações e os efetivos que ganham menos (na mesma função) são os que recebem o salário normal "seco". 
    
Está sendo discutido na negociação e está em pauta, a questão do concurso público. É certo que haverá concurso na PMT, o Ademildo (que está à frente das negociações como representante da Administração Municipal), ficou de conversar com o Prefeito Sancler para saber se o concurso será feito este ano ou no ano que vem, e qual seria a data prevista. 
     
O Sindicato deverá propor ao Prefeito uma parceria para disponibilizar um cursinho para os contratados da PMT, para que eles tenham melhores chances de concorrer às vagas a serem disponibilizadas. Estes cursinhos também devem atender aos concursados que queiram tentar conquistar outras vagas e outros cargos na prefeitura. 
    
Veja que as negociações não se esgotam na data-base, elas serão constantes e continuadas, não dá para o SINSMUT negociar tudo de uma só vez, já que as questões e reivindicações dos servidores municipais são inúmeras e muitas são específicas de categorias profissionais. Não dá para recuperar vinte anos de omissão em apenas um mês. O SINSMUT vai focar agora na data-base, discutir no momento algumas questões mais urgentes de forma paralela e outras somente após a data-base. 
    
Algumas questões demandam tempo, por exemplo, para estudo de viabilidade econômica e funcional da PMT, a nova diretoria precisa de informações importantes e indispensáveis para que possa fazer propostas viáveis e com base. 
     
Tanto os sindicatos como a Administração Municipal tem que lidar com estas situações com os pés no chão e dentro da realidade, sem criar expectativas falsas para o funcionalismo, sem sensacionalismo, e sem oportunismos político eleitorais. 
     
Se as negociações forem levadas a sério (e acredito que estão sendo levadas a sério), todos ganham. Com boa vontade tudo é possível.
    

6 comentários:

  1. RAIMUNDO,publique esta materia,este jornalista conseguiu resumir muito bem o povo brasileiro.
    http://terramagazine.terra.com.br/blogdotessler/blog/2013/04/19/tudo-vai-mal-tudo-bem/

    ResponderExcluir
  2. coloca também na pauta sobre isalubridade para os acs(agente comunitario de saúde)que trabalha com pacientes que tem tuberculose e hansenias que sao doença contagiosas.

    ResponderExcluir
  3. muito bem lembrado meu amigo os acs(agente comunitário de saúde) também são servidores públicos municipais e nem sempre são lembrados. abraços a todossssss!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. isso mesmo nos temos outros dereitos que nao estao sendo respeitados e os acs tambem sao servidores municipais. gracas ao exvereador tom que colocou na lei. mas se e lei tem que sr cumprida. força aos sindicatos

    ResponderExcluir
  5. Muito me admiro contratado querendo equiparaçao de salario com os efetivos , se hoje estamos do jeito que estamos ,tambem é graças a eles que nunca foram numa greve , pelo contrario fizeram foi enfraquecer o movimento ,. Nao sou contra eles quererem ganhar um salario melhor afinal eles trabalham tanto quanto os efetivos mas os efetivos entraram pela porta da frente , nao precisando da indicaçao de politicos. O que eles tem que fazer é sair do comodismo que vivem e irem a luta para que o concurso saia ,isso eles nao fazem . E tem mais folha procurem saber quantos contratados sao filiados hoje nos sindicatos? Até onde sei o sindicato é para defender o direito dos seus filiados e nao de terceiros. Desculpe o desabafo.

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!