Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

Texto

As matérias mais recentes do Folha de Tucuruí

Últimas matérias do Folha

Publicidade

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Exonerado um dos envolvidos no processo dos R$ 38.000.000,00 desviados da Prefeitura de Tucuruí

Foi exonerado o servidor municipal concursado Edson Andrey Furtado Costa, um dos envolvidos no escândalo do desvio de R$ 38.000.000,00 trinta e oito milhões da Prefeitura de Tucuruí. 
         
Esta é mais uma consequência do processo e um cala a boca para as pessoas aliadas do prefeito, que são orientadas a espalhar pela cidade que este processo "não vai dar em nada", colocando em dúvida a lisura do processo e a atuação do Ministério Público Federal e da Justiça Federal.
       
Fica evidente que a Justiça Federal não pode ser facilmente manipulada pelo Prefeito Sancler (PPS), e fica em evidencia ainda que as pessoas aliadas do prefeito, ao contrário do que imaginam, não gozam de imunidade perante a Justiça Federal e que o servidor concursado, mesmo gozando de estabilidade, pode ser exonerado caso cometa crimes contra a administração e o erário público. Portanto todos aqueles que estão envolvidos com este e outros processos que se cuidem porque a casa está caindo.
                
Os tempos mudaram e já é hora de terminar com mais de três décadas de corrupção e impunidade em Tucuruí. Como sempre afirmamos: Nada dura para sempre, só o poder de Deus é eterno.
        
         

4 comentários:

  1. Laranja e boi de piranha, duvido que tenha ficado com mais de R$ 200.000,00 ou talvez nem a metade disso.

    ResponderExcluir
  2. Só queria saber se o dinheiro será devolvido ou esquecido.

    ResponderExcluir
  3. mais ele era concursado ou contratado ? ele ainda algum vinculo com prefeitura ?

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!