Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

O Prefeito Sancler e sua vitória de *Pirro

Vamos analisar e raciocinar sobre o resultado das eleições, e o que esta votação representa para a “liderança” do Prefeito Sancler Ferreira (PPS) e Tucuruí.
                   
A eleição da mulher mulher do prefeito Eliana Lima como Deputada Estadual foi realmente uma vitória para Sancler? Claro que foi, no entanto existem Vitórias e vitórias, a história e até mesmo em nossa vida pessoal, nem sempre uma vitória vale à pena, dependendo dos resultados e do preço que pagamos por ela.
            
Vamos analisar a importância do cargo de Deputado Estadual. Claro que um deputado estadual é muito importante para a democracia, para a elaboração e aprovação de Leis (legislar) e na fiscalização do executivo. No entanto na estrutura de poder apenas um deputado(a) entre os 41 deputados na ALEPA, não tem muita influência e poder de pressão junto ao Governador, comparando um deputado estadual isolado, tem tanto poder e influencia junto ao Governador, quanto apenas um vereador isolado tem influencia e poder de pressão junto ao prefeito municipal, ou seja, quase nenhuma.
        
Não sei quanto o Sancler gastou para eleger sua mulher, uma ilustre desconhecida do eleitorado do Estado, mas calculo que não foi menos que dez milhões (alguns comentam que foi pouco mais de 11 milhões), fora o uso da máquina do município e a contratação de milhares de pessoas pela prefeitura sem concurso para voto de cabresto. Estes dez milhões dariam para fazer os repasses da ASERT, da Caixa Econômica e do IPASET.
               
Mas e as emendas que a mulher do prefeito pode trazer para Tucuruí? Ora Sancler assim como muitos outros prefeitos, nunca teve problemas para conseguir emendas e convênios junto ao Governo Estadual e Federal mesmo sem ter parentes deputados. Em vez de gastar uma fortuna para eleger a mulher, Sancler poderia gastar “apenas” uns duzentos ou trezentos mil financiando a campanha de uns dois deputados estaduais e uns dois deputados federais e teria melhor resultado e uma enorme economia, se bem que quando se atira com pólvora alheia não se mede distância, não é costume fazer economia quando o dinheiro sobra, mesmo assim Sancler terá problemas sérios para pagar a conta. Não se esqueçam de que Sancler já fez dois empréstimos milionários em sua gestão, comprometendo os repasses de royalties e do FPM, sendo que a PMT está completamente falida e endividada devido a uma administração irresponsável, inconsequente e temerária.
             
O problema do Sancler é a sua total convicção de impunidade e a sua colossal vaidade e prepotência, se o Cláudio elegeu o filho deputado estadual e o Parsifal elegeu a mulher deputada federal, Sancler não poderia ficar atrás, principalmente diante da sua obsessão em imitar e superar o ex-prefeito Parsifal Pontes. Sancler até hoje é traumatizado por ter sido demitido quando era Secretário de Obras da PMT, pelo então vice-prefeito Parsifal Pontes.
    
No entanto e apesar da “vitória”, Sancler expôs a sua falta de liderança política em Tucuruí, sem retórica e sem carisma pessoal, Sancler tem sua base política sustentada apenas por empregos na prefeitura e pelo poder econômico, principalmente por este último, Sancler não tem pena de gastar e não se preocupa nem um pouco com as consequências dos seus atos, confiando plenamente em sua blindagem e a sua impunidade, não importa quantos e quais crimes cometa contra a administração pública, para ele e seus assessores faça o que fizer “Nunca vai dar em nada”, no que ele em parte tem razão em seu raciocínio só falha quando ele diz “nunca”, já que nunca é muito tempo e as coisas sempre mudam, seja para o bem ou para o mal...
      
Em resumo, a eleição da Eliane para o Sancler é como se ele tivesse comprado um fusquinha pelo preço de uma Ferrari, muito dinheiro para um resultado pífio.
     
Esta eleição expôs a fragilidade do Sancler como força política em Tucuruí, vamos ver os motivos:
       
Sancler teve 30.213 votos para prefeito nas últimas eleições, no entanto a Eliane só conseguiu 12.814 votos (Sancler esperava 20.000), de um total de 46.114 votos válidos do eleitorado que votou nestas eleições em Tucuruí, ou seja, a mulher do prefeito teve 28% da totalidade dos votos válidos em Tucuruí e 42% dos votos que Sancler teve nas últimas eleições. Se levarmos em conta os votos de cabresto dos 3.000 contratados da prefeitura e de seus familiares, chegaremos à conclusão de que os votos realmente livres e espontâneos da Eliane foram muito poucos, sendo que a maioria dos votos foi para conseguir ou manter empregos sem concurso público na Prefeitura ou em cargos de confiança. Teve também um líder religioso de uma grande Igreja que prometeu mais de 10.000 votos de cabresto para a mulher do prefeito, não sei qual foi a “negociação”, mas podemos imaginar.
       
Agora vamos analisar o resultado da votação para Presidente: Para o prefeito Sancler, que precisa do poder do governador Jatene (PSDB), para garantir a sua blindagem e a impunidade quanto aos crimes cometidos contra a administração pública no município, o candidato ideal para a Presidência do Brasil é o tucano Aécio Neves, mas como segunda opção Sancler contava com a eleição da Marina Silva, que infelizmente para ela tinha o PPS em sua base de apoio, isso sem contar com a estreita ligação pessoal e comercial de Sancler com o Ademir Andrade. No entanto o resultado da eleição foi bem diferente do que o Prefeito queria e esperava.
          
O resultado da eleição para Presidente foi o seguinte em Tucuruí:
        
1º Dilma Rousseff – 28.950 votos
          
2º Aécio Neves – 11.600 votos
          
3º – Marina Silva – 8.002 votos
        
Como podem ver os candidatos à presidência do prefeito Sancler levaram uma peia eleitoral violenta em Tucuruí.
             
O resultado para governador em Tucuruí foi ainda mais constrangedor para o prefeito, e foi o seguinte:
         
1º Herder Barbalho – 30.513
           
2º Jatene – 14.423
          
Jatene não teve nem a metade dos votos do Helder na cidade, outra peia de lapada de fação no lombo do candidato do prefeito em Tucuruí.
          
Diante disso, acredito que a tal “vitória” do Sancler, não passa de uma vitória de Pirro.
-------------------------------------------------------------
                
*Vitória de Pirro. 
         
No ano de 279-AC, o rei Pirro, de Épiro (na atual Albânia), reuniu seus oficiais no campo de batalha de Asculum, perto de Roma, para saudar a vitória parcial das suas tropas contra o poderoso exército romano. 
             
Diante das enormes perdas de oficiais e soldados, porém, ele constatou que "com mais uma vitória como esta" o seu reino estaria perdido. Daí o termo "vitória de Pirro", que expressa uma conquista em que as perdas do vencedor são tão grandes quanto às do perdedor.
                  

23 comentários:

  1. Roberto wagner s pena10/06/2014 8:26 PM

    Folha cada eleicâo e diferenre uma da outra parece que tem no AR uma dor de votovelo da oposicäo parabens sancler dona Eliane...boa sorte na sua carreira politica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fatos são fatos, é inútil negar a realidade. ''Dona'' Eliane, com todo este servilismo não precisa dizer mais nada, que triste condição... Uma pena.

      Excluir
    2. Vc fala Parabéns.com tanto problema q temos em tucurui o cara gasta milhões pra eleger sua mulher ainda vem vc dar parabéns.e muita falta de humanismo. Vergonha na cara. Uma pessoa chegar a falar isso

      Excluir
    3. Agora a briga é pra saber quem será "digno" de ser assessor dela em Belém, que comece a vassalagem.

      Excluir
    4. Roberto Wagner das 8:26 pm, talves vc seja sego o não queira enxerga ou está na folha de pagamento da PMT porque Prefeito deve mais de 3.000.000,00 para caixa os funcionários de fazer empréstimo na caixa não são atendidos nas clinicas de Tucuruí com seu plano de saúde porque o Prefeito deve para Asert mais de 1.500.000,00 e vc tem a cara de pau de parabenizar um gestor irresponsável vc tão irresponsável com Ele.

      Excluir
  2. Pior foi o desempenho da Eliane em Novo Repartimento onde a mãe é prefeita, lá Eliane ficou em terceiro lugar.

    Deputado Estadual Novo Repartimento:

    Amizade - 8.705 Votos.
    Dr. Alexandre 6.448 Votos
    Eliane Lima 4.846 Votos.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será que e pq eles tem medo dela ser igual a mãe.kkkkkkk

      Excluir
  3. Amigo do folha. Mais uma vez parabenizo por uma sensacional matéria sobre o vampirismo politico recalcado do astromegalomaniaco prefeito audacioso de Tucurui. Nessa campanha para eleger a Eliane ele mostrou para todo o Estado que ele tem poder econômico para isso, logico que ele ficou bem famoso porém deu um tiro no pé. Veremos o futuro trágico disso. Ass: Cabul

    ResponderExcluir
  4. Galerinha do tio san, já tá fazendo pesquisa pra prefeito pela cidade, já seria o medo chegando?

    ResponderExcluir
  5. A populaçao de tucurui nao pode reclamar da falta de medicos, remedios, asfalto. Pois venderam seu voto. Tem gente que passa 2 a 3 meses para marcar um exame. Agora vao passar 6 meses e caladinhos

    ResponderExcluir
  6. Acho que Tucuruí a cada dia se afundar numa lama, postos, hospital reguonal e upa com profissionais desqualificados, concursos com inúmeras irregularidades. Enfim não confio no prefeito que não investe na população, mas, assim caminha esse povo onde não sabe o que melhor para si.

    ResponderExcluir
  7. Se a população elegeu é porque eles consentem a desgraça que esta a cidade

    ResponderExcluir
  8. Esse Dicu Reis é mesmo o cara está pagando sozinho essa pesquisa para ver a intenção de votos para prefeito para 2016

    ResponderExcluir
  9. Em Tucuruí já vi boi voar, administrando com carrinho, sangria dos vampiros, agora colocar no armário um quase homem político e casar na igreja evangélica com bença do pastor com uma mulher bonita só para se manter no poder essa é nova vou pagar pra vê

    ResponderExcluir
  10. Não sejamos tão ingênuos a ponto de achar que o prefeito deu um tiro no pé. Político nenhum age sem olhar pra frente, ou com o que pode ganhar lá na frente. É claro que o prefeito está pensando em lançar sua digníssima para prefeita nas próximas eleições e provavelmente a imagem dela não seria a mesma se não tivesse ganho nessa eleição. Portanto, está claro o plano do Sancler em se se perpetuar no poder, ou pelo menos tentar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Folha....explica ae pra esse anônimo o porque de talvez o Sancler não lançar a esposa dele candidata a prefeita!!

      Excluir
  11. O resultado do concurso saiu so depois da eleição.ea família Ferreira e secretário e vereadores ligado ai prefeito todos passaram meus parabéns prefeito por ter tantas pessoas inteligentes ao seu lado. .humhum

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque será que eu não estou nem um pouco surpreso?

      Excluir
    2. Sem contar dois parentes da secretária de finanças, que coincidentemente marcaram a mesma pontuação, no mesmo cargo e ficaram um atras do outro na lista. Eita Tucuruí Pai D'égua.

      Excluir
  12. Concordo com esse tal de Cabul que diz que o prefeito deu um tiro no pé. Ele só tem duas escolhas para substitui-lo...ou usa a esposa. ..ou investe no vereador novela mexicana abençoado por um pastor famoso da região. O futuro está próximo e veremos no que vai dar esse filme caro com um elenco cheio de magias e folclores para tentar enganar a população. Vou assinar como Hammas, em homenagem a esse tal de Cabul.

    ResponderExcluir
  13. É quem fez o concurso já sabia o que iria acontecer. Mas, aqui é uma cidade sem lei. Por isso é que a população ta indo embora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei, mas nada impede que ele a indique. Mas pode ser por medo já que a mulher de hoje pode ser a ex-mulher de amanhã, principalmente se ele tiver a consciência pesada.
      A maioria das mulheres são vingativas, elas podem até perdoar mas nunca esquecem.

      Excluir
  14. Boa amigo do folha...verdade elas nunca esquecem mesmo.

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!