Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

quinta-feira, 29 de março de 2012

Empresa de presidente de associação de bairro ganha licitações milionárias em Tucuruí

A empresa ETUZEA Construtora LTDA de propriedade dos sócios Kleber Leonardo Oliveira Sampaio e José Gomes da Silva (Mais conhecido como Russinho do Táxi) ganhou várias licitações milionárias em Tucuruí.
   
Entre elas está a construção de uma creche no valor de mais de um milhão e quatrocentos mil, entre os bairros Paravoá e Bela Vista (convênio FUNDEB Governo Federal), construção do cemitério obra de mais de um milhão, reforma do colégio Dulcimar Brito (Convênio FUNDEB) e do Estádio Navegantão, estas últimas estão sem placa (o que é uma irregularidade), portanto não temos conhecimento dos valores.
   
Um dos sócios da empresa o Kleber é funcionário contratado do Governo do Estado e trabalha como vice-diretor no presídio e o outro José Gomes é Presidente da Associação de Moradores do Bairro Tozetti. Isso explica a defesa e os elogios do presidente ao prefeito, ele está simplesmente defendendo o seu patrão.
   
Outra situação é que os proprietários da ETUZEA deram uma procuração ao João Gomes da Silva, irmão do José Gomes e sogro do Kleber (ambos sócios da ETUZEA). O capital da empresa é R$ 100.000,00 cem mil, neste caso capital muito baixo para licitações acima de R$ 1.000.000,00.
   
O João Gomes (Russo) é pré-candidato a prefeito de Goianésia e foi candidato a prefeito naquela cidade na eleição passada. Este é um indício de que o prefeito de Tucuruí além da interferência na política de Novo Repartimento, está interferindo direta ou indiretamente na política de Goianésia.
  

20 comentários:

  1. caro russinho de que forma o puxa saco mor, do prefeito, vai explicar essa?

    ResponderExcluir
  2. E era essa a materia anunciada?! Pensei que seria melhor!

    ResponderExcluir
  3. Interessante: O capital da empresa é R$ 100.000,00 cem mil, neste caso capital muito baixo para licitações acima de R$ 1.000.000,00.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende do valor pedido no edital da licitação. A lei 8.666/93 fala que o capital pode ser até 10%. Portanto se o edital estiver solicitando abaixo desse índice, poderá participar sim. Alguns meses atrás o Dico Rico não ganhou uma licitação milionária? Como ficou aquela questão? E a laranja que ele arranjou? Gostaria de saber se realmente os vereadores estão atento a isso. Quero deixar aqui algumas sugestões.
      1 - A folha deveria sugerir aos vereadores da oposição que questionassem junto ao ministério público, o aumento do patrimônio de alguns secretários, assessores especiais, puxa sacos profissionais, irmãos e cunhados do prefeito, pois os secretários ganham um salário bruto por mês, no valor de R$ 4.200,00 (menor que em Breu Branco) e tem gente comprando apartamentos em Belém, comprando carros caríssimos que não condiz com seus rendimentos. Se por ventura tiverem outra fonte de renda, OK, mas se não conseguirem justificar, alguma coisa há de ser feita, pois entra prefeito, sai prefeito, só muda os sanguessugas, mas o nosso dinheiro é o mesmo que se esvai nas mãos desse espertalhões. Vamos verificar, acho até que todo funcionário em cargo de confiança da PMT deveria mostrar o que realmente possui e como conseguiu.
      2 - Tem gente que já viajou por quase todo o Brasil atrás de trio elétrico com dinheiro da população (PMT) levando parentes, amigos, etc. Vereadores vamos acordar pois as eleições estão aí e lembrem-se que na última ninguém voltou. Vamos trabalhar em prol da população que paga o salário de vocês.
      3 - Acho que é fácil ser vereador (se você quiser), pois se não receber as informações que solicita, vá ao ministério público e denuncie, coloque a boca no trombone, mostre para o povo que você está preocupado em servi-lo. O que eu não concordo, é ficarem detonando algumas pessoas que realmente trabalham, lutam no dia a dia para melhorarem de vida, enquanto alguns chegam na PMT com uma mão na frente e outra atrás, e de repente, em frações de dias, compram apartamentos, carros de luxo, etc e saem ricos e rindo da cara do povo.

      Excluir
  4. "Dulcimar" -> é o nome da escola.
    "Dulciomar" -> é o político de belém.

    ResponderExcluir
  5. Esse Russinho é um ********, que usa sua oratória retrógada no "Programa Tucurui Agora" para poluir nossos ouvidos. Pra se ****** pro Claudio Furman, este cidadão pegou a obra da construção do calçamento da Rua Maranhão e fez um serviço porco. Desconsideremos a atuação político-social deste cidadão, mas, com relação a denúncia das licitações milionárias devem ser apuradas e denunciadas ao MP.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Russinho do taxi (presidente do bairro tozetti) e o Kleber funcionário do presídio e genrro do Russo que é pré-candidato à Prefeito de goinésia do Pará. São donos da empresa ETUZEA, mais quém manda na obra da creche é o cunhado do prefeito Sancler, conhecido como Wagner da botique imagem

      Excluir
  6. Com essa eu fiquei besta, o Cara e muito mas ***** do que eu imaginava,o rusinho da tozet esta servindo de marionete pros outros, quando a folha disse que que tinha um presidente de bairro milionario eu não acreditei, e continuo não acreditando pois ele russinho na verdade não e rico mesmo, e apenas um ****** nas mão de espertalhoes,o cara anda a pé e mora numa tapera de madeira, portanto ele e um pobre coitado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade ele é um dos sócios da empresa que tem contrato de licitação de mais de R$ 3.000.000,00 (três milhões) com a PMT.
      O fato de morar em uma residência simples não quer dizer nada já que muita gente não gosta de exibir o seu patrimônio, por não gostar de ostentar riqueza ou por conveniência.
      O fato concreto é que ele é dono da empresa ETUZEA que tem contratos milionários com a PMT, é isso que diz os documentos que temos em mãos, se ele é pobre ou rico, se é laranja ou não, é pura especulação e não podemos afirmar nada.

      Excluir
  7. O prefeito de Tucuruí é como um polvo lançando seus tentáculos nos municípios vizinhos. Colocou a sogra como prefeita em Novo Repartimento e está apoiando pré-candidatos no Breu (Barreirinhas), Cametá (Pompeu), Goianésia (Russo) e Belém (Jordy), Tirando Belém, todos os outros pré-candidatos citados tem contratos e recebem recursos da Prefeitura de Tucuruí. Não tem prefeitura por mais rica que seja que agüente este tipo de situação. Sancler está se preparando, caso perca a PMT terá outras prefeituras para se escorar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fazer ok.
      nei todo mundo usa a cabeça. ou seja e a cabeça que não pensa o corpo padesse, chapeu de otario e marreta

      Excluir
  8. ******************************

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi provisoriamente moderado até que chequemos a informação. Pedimos a compreensão do anônimo pela nossa cautela.

      Excluir
  9. A então e por isso que o russinho puxa tanto o saco do prefeito$$$$$

    ResponderExcluir
  10. Rapaz esse wagner cunhado do prefeito ta rico,só anda de hillux,e *******************.

    ResponderExcluir
  11. Quem são as outras empresas que participaram das licitações ?
    Será que essas licitações funcionam no mesmo esquema denunciado pela toda poderosa Rede Globo!

    ResponderExcluir
  12. Sancler no tucuruí das maravilhas na boca do prefeito tucurui parece um paraiso.

    ResponderExcluir
  13. wagner, o teu conceito de riqueza é muito pobre.

    ResponderExcluir
  14. A Folha de Tucuruí deveria investigar (e denunciar) um pouco mais sobre as obras do prefeito sanclerperfeito. A maioria das citadas nas propagandas da tv não passam de reformas, feitas em prédios particulares e que custam (ou custaram) os olhos da cara aos moradorees da cidade. E o ******** não passa de um poibre-coitado. Quem tá metendo a mão na grana é o *****, que passou daquela motinha sem placa para uma belíssima hilux. Isto sim é que é PROGRESSO.

    ResponderExcluir
  15. Senhores leitores, existe uma outra irregularidade em relação a construção da creche a cima citada, pois conforme lei 11.494/2007 (Lei do FUNDEB) não permite a construção de creches com o dinheiro do fundeb, estabelece apenas as despesas com a manuntenção e desenvolvimento do ensino fundamental básico na conformidade com o artigo 70 da lei 9.394/96 (LDB) estabelece a educação infantil e não a construção de creches.

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!