Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

domingo, 23 de fevereiro de 2014

IML Tucuruí - Atrativo de urubu

      
Sou morador da Vila Residencial a mais de vinte e um anos, desde a implantação do IML a dois anos aqui tenho reparado que centenas de urubus invadiram a Vila, o IML recebe corpos de toda a Região do entorno do lago e quando é encontrado um cadáver sem identificação ele entra no IML como “ignorado”.
            
Esses cadáveres ficam entre quinze a vinte dias a espera de parentes para a identificação, são feitos todos os “procedimentos” para evitar o mau cheiro os cadáveres são colocados em sacos cadavéricos e lacrados com centenas de voltas de fitas adesiva, mas mesmo assim ainda exala um forte odor de podridão é aí que entra os urubus eles sentem o fedor e ficam em árvores no entorno do prédio do IML.
             
Como eles (os urubus) não conseguem furar os sacos cadavéricos eles vão em busca de comida na Vila que mesmo com uma coleta rigorosa do lixo doméstico alguns moradores incautos colocam seus lixos fora de hora é por isso que esses urubus ainda conseguem encontrar comida, mesmo com todo essa podridão que exala do IML o IFPa ainda está construindo um laboratório, alojamentos e salas de aulas para um curso de piscicultura, eu quero ver se professores e alunos vão conseguir suportar essa podridão.
            
Recebido por e-mail.

2 comentários:

  1. E como foi colocado alguns moradores dotam lixo fora de hora , aQuestao dos cadaves , tem que cumprir, a lei se e vinte diad ou um mes tudo e burocracia,

    ResponderExcluir
  2. Se é burocracia não sei, só imagino que deveria ter geladeira nesse IML para por os corpos, ou não teria? Com a palavra as autoridades do município. Se não tem condições de funcionar como era pra ser, não funciona ora essa...

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!