Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

O Prefeito de Tucuruí demonstra mais uma vez o seu desprezo pela Lei

Coluna Repórter Diário - Diário do Pará 23/06/2013.
    
Em matéria do Diário do Pará do dia 23/06/2013 (imagem), foi noticiado na coluna Repórter Diário que o Ministério Público Federal em Tucuruí instaurou Inquérito Civil Público para verificar o cumprimento da Lei Complementar nº 131/2009, a Lei da Transparência Pública em Tucuruí e outros municípios da região.
          
O Procurador da República Paulo Marques oficiou aos prefeitos com pedidos de informação sobre a existência ou não de páginas oficiais na Internet e dos portais de Transparência com publicação de receitas e despesas, licitações e convênios. Segundo informações a PMT teria respondido que não teria profissionais técnicos para disponibilizar estas informações na Internet.
        
Para o Folha de Tucuruí, por mais incompetente que seja o contador da Prefeitura de Tucuruí, levando em conta que a contabilidade da Prefeitura de Tucuruí é informatizada, com certeza um contador experiente como o Chico Contador que trabalhou nos dois mandatos do ex-prefeito Parsifal Pontes e no primeiro mandato do Prefeito Sancler, dispõe destas informações.
       
Quanto à questão técnica da publicação destas informações na Internet, qualquer web Designer por menos experiente que seja, tem condições de disponibilizar estas informações no site da Prefeitura. Uma prefeitura que arrecada em média R$ 17.000.000,00 (Dezessete milhões) por mês, com certeza tem dois ou três mil por mês para pagar um profissional Web Designer e assim cumprir a Lei.
            
Não sabemos se o Procurador aceitou esta desculpa esfarrapada e quais são as providências que o MPF está tomando para que a PMT obedeça à Lei da Transparência, o fato é que até o presente momento mais uma vez o Prefeito Sancler continua a zombar das Leis e da Justiça, e não sabemos o porquê do Prefeito de Tucuruí ter tanta certeza da sua impunidade...
         
Fica difícil para um pai de família em Tucuruí ensinar os filhos o respeito e a obediência às Leis e a Justiça, diante de tantos exemplos deploráveis de desrespeito às Leis e de impunidade em nosso município. Como ensinar aos nossos filhos que o crime não compensa e que se eles desrespeitarem as Leis serão punidos? Como explicar aos nossos filhos que a justiça não é igual para todos e que alguns privilegiados estão blindados e acima das Leis?
        
Fica difícil explicar tanta injustiça e tanta desigualdade aos nossos filhos, qual é a referência que podemos dar a eles diante de situações como estas? 
      
Se existe uma Lei porque a justiça não faz com que ela seja cumprida por todos indistintamente? 
         
Porque uns são obrigados a cumprir a Lei e outros não? 
         
Porque a justiça pune alguns que desrespeitam as Leis e outros não? 
         
Porque para uns o afago e para outros a espada? 
           
Não somos nós os Brasileiros todos iguais perante a Lei, ou será que tem uns que são mais iguais que outros?
       
É nestas horas que dá um desgosto profundo e até vergonha de ser Brasileiro.
            

3 comentários:

  1. A Câmara Municipal de Tucuruí está com a pagina de transparência com todos seus gastos atualizados!!!

    ResponderExcluir
  2. Transparência da contabilidade com gasto público da Prefeitura M. de Tucuruí é uma caixa preta.

    ResponderExcluir
  3. Controlador interno ganha uma merreca de R$ 5.700,00 e não dá conta de fazer uma pagina na internet de transparência com gasto público desperdícios de dinheiro público com salário

    ResponderExcluir

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!