Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Avaliação positiva do governo Dilma sobe para 56%, diz CNI/Ibope


Nova pesquisa coloca governo no patamar anterior às crises e dão à presidenta desempenho superior a Lula e FHC

iG São Paulo 

Avaliação positiva do governo Dilma sobe para 56%, diz CNI/Ibope Nova pesquisa coloca governo no patamar anterior às crises e dão à presidenta desempenho superior a Lula e FHC.

A avaliação positiva do governo da presidenta Dilma Rousseff atingiu 56%, de acordo com pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta sexta-feira. Os dados concedem à presidenta um recorde no desempenho do primeiro ano de mandato, em comparação com a avaliação registrada pelos antecessores Luiz Inácio Lula da Silva e Fernando Henrique Cardoso. 

Ao concluir os primeiros 12 meses de gestão, Lula tinha uma avaliação positiva de 41%, enquanto no caso de FHC 43% dos entrevistados avaliavam a gestão como ótimo e bom.

Pesquisa foi divulgada no mesmo dia em que Dilma tomou café com jornalistas.

Os números também colocam a gestão da presidenta petista de volta no patamar anterior à sucessão de crises políticas que envolveram vários ministros em denúncias de corrupção. A gestão de Dilma tinha a mesma avaliação positiva de 56% em abril deste ano, de acordo com a CNI/Ibope.

Em agosto, após episódios como a demissão do então chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, o desempenho positivo  do governo caiu para 48%. Os dados já apresentavam uma recuperação em setembro, quando 51% dos entrevistados consideravam o governo ótimo ou bom, mas somente agora retornaram ao nível registrado antes de a presidenta perder sete de seus ministros, seis deles sob acusação de envolvimento em irregularudades e corrupção. 

A pesquisa mostrou ainda que 32% apontam o governo como regular, contra 34% na sondagem anterior, e 9% o classificam como péssimo ou ruim, ante 11% em setembro.

A avaliação pessoal da presidenta manteve-se praticamente estável, dentro da margem de erro, oscilando de 71% em setembro para 72% na nova pesquisa.

O levantamento vem a público no mesmo dia em que Dilma convocou jornalistas que cobrem o Palácio do Planalto para um café da manhã de fim de ano. Na ocasião, a presidenta prometeu trabalhar para evitar que as crises políticas que atingiram a gestão voltem a se repetir. "Qualquer prática de malfeito ou corrupção, é tolerância zero', afirmou a presidenta.

O Ibope ouviu 2.002 pessoas em 142 municípios entre os dias 2 e 5 de dezembro. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais.

*Com informações da Reuters, Agência Brasil e colaboração de Severino Motta, iG Brasília.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!