Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

Últimas matérias do Folha

domingo, 28 de fevereiro de 2010

Mais um Blog com link para o Folha

O Blog Perereca da Vizinha, um dos blogs mais prestigiados e visitados do estado, também está nos prestigiando com um link para nossa página. 

Agradecemos à gentileza.

Tucuruí pode abrigar primatas em extinção


Eles ocupam 20 hectares e precisam de pelo menos 10 vezes mais.

fonte: Ambiente Brasil

Um estudo realizado pelo Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG) mostra que a região de Tucuruí, sudeste do Pará, tem potencial para a conservação de espécies vulneráveis, como por exemplo, o primata Cuxiú-preto (Chiropotes satanas).

Este primata é considerado o mais ameaçado entre os que existem na Amazônia brasileira. Ele se alimenta de folhas, frutas e castanhas. Desde o ano 1978, a espécie é considerada vulnerável pela União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN).

Para a pesquisadora, Liza Maria Veiga, do MPEG, que estuda o comportamento dos primatas há dez anos, ainda há necessidade de pesquisas levando em consideração dados demográficos e influências externas. Os levantamentos devem fazer projeções de tamanho e formas de reservas.

Atualmente estes animais ocupam uma área de 20 hectares, sendo que na verdade precisam de 200 a 500 hectares para sobreviver.

Você está estressado?

Olhe para as imagens abaixo:

Para conseguir melhor efeito, clique duas vezes nas imagens para ampliá-las

 

  

 

Quanto mais lentamente você vê as imagens se movendo menor será o seu nível de estresse. As crianças vêem as imagens paradas, como realmente elas estão.

Aprovação de Lula está estável em 73%, mostra Datafolha

SÃO PAULO (Reuters) - A aprovação do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva ficou praticamente estável em fevereiro, em 73 por cento, em relação ao levantamento feito em dezembro, quando registrou 72 por cento, mostrou a pesquisa do Datafolha neste domingo.
Segundo o instituto, é o melhor desempenho de um presidente desde o início da série histórica do Datafolha, em 1990, o que revela seu contínuo alto índice de popularidade
Dos 2.623 entrevistados no país entre os dias 24 e 25 de fevereiro, 20 por cento classificaram o governo de Lula como regular e 5 por cento consideraram sua administração péssima ou ruim.

O levantamento também apurou que a popularidade de Lula é significativa entre os eleitores do governador paulista José Serra, pré-candidato do PSDB à Presidência da República, sendo que 62 por cento deste grupo consideram o atual governo bom ou ótimo.

Entre os eleitores da ministra-chefe da Casa Civil e pré-candidata petista à corrida presidencial, Dilma Rousseff, a popularidade do presidente salta para 92 por cento.

Lula apresenta melhor aceitação no Nordeste, com 84 por cento. No Sul, 65 por cento avaliam a administração petista como ótima ou boa, mas para 26 por cento o governo é regular, enquanto que 7 por cento o classificam como péssimo ou ruim.

O pior desempenho do presidente é visto entre os mais ricos, com ensino superior completo e que vivem no Sul do país. O governo é regular para 29 por cento deste grupo, enquanto 14 por cento o consideram ruim ou péssimo. A aprovação deste nicho é de 56 por cento, 17 pontos abaixo da média nacional.
A pesquisa, publicada neste domingo no jornal Folha de S.Paulo, tem margem de erro de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

No início de fevereiro, a pesquisa CNT/Sensus mostrou que em janeiro o desempenho positivo do governo Lula oscilou para 71,4 por cento, ante 70 por cento em novembro.
(Por Alice Assunção)

Indo para a rabeira

Do blog do Hiroshi

Territorialmente, Marabá pode ser transformar, nos próximos meses, no menor município do Estado.

Pelo menos é essa a proposta de criação de novos municípios com a emancipação das localidades de Morada Nova, Capistrano de Abreu, Brejo do Meio e Santa Fé, todos distritos marabaenses.

Como o blog desconhece os limites geográficos de criação das novas unidades municipais, também não pode afirmar se as reservas minerais do Salobo e Buritirama permanecerão em território marabaense.

Caso contrário, quem há se ser responsabilizado por isso?

Com a palavra, prefeito municipal, vereadores e deputados estaduais eleitos pelo município.

Ao todo, há propostas para criação de 31 novos municípios no Estado.

Caso sejam efetivados pela Assembléia Legislativa, o Pará passará a ter 175 cidades.

--------------------

atualização às 14:43:

Jorge Amorim, lá do Na Ilharga,  também dá uma mexidinha na massa, sobrepondo comentário ao pot:


Verdadeiro crime contra o município que mais cresce no estado. É preciso colocar um freio na indústria do separatismo, concebida por políticos com mentalidade de donatários.

Uma coisa é o debate a respeito da proposta de uma nova geopolíta para o estado, que ainda está muito longe de esgotar-se; outra é arranjar capitanias para que políticos inescrupulosos exerçam de forma ilegítima, posto que às custas da miséria do povo, seu poder espúrio. 
======================
Folha de Tucuruí - Concordamos e assinamos embaixo

Golpistas de Redação

 Do blog do Hiroshi

Ausente da base uns dias, somente agora o poster coloca a colher na panela. 

A tal “denúncia” da IstoÉ, abraçado rapidamente pela Globo e Folha de São Paulo, de que o corretíssimo Fernando Pimentel, um dos melhores prefeitos que Belo Horizonte já teve, tendo incluí-lo no Mensalão de BH, foi desmoralizada antes mesmo da revista começar a circular. 

A nota do Ministério Público Federal desmentindo o principal argumento da matéria – a de que Pimentel estava citado no relatório do MPF – é clara: o ex-prefeito de BH nunca foi incluído no inquérito. 

Desmoralizante, sob todos os ângulos, a manifestação do parquet.    

A credibilidade da “QuantoÉ?”, ou melhor, da revista IstoÉ, chegou ao fundo do poço. 

A intenção clara da publicação foi “bicar” , de novo, a candidatura de Dilma às vésperas da pesquisa do Data Folha que mostra empate técnico entre ela e Zé Serra.   

E “esconder” o escândalo do Mensalão do DEM, em Brasília.  

Não poderia ser diferente.     

Daniel Dantas,  dono da "QuantoÉ",   trabalha intensamente, com seus comparsas do PIG, para tentar impedir a chegada de Dilma à presidência.  

De agora em diante, toda semana, é bom avivar, haverá notas nesse sentido.  

O desespero toma conta da oposição ao Lula.  

Começaram pintando o perfil de Dilma como uma “terrorista”, discurso que serviu de mote para o general Maynard Marques de Santa Rosa criticar a Comissão da Verdade, em carta publicada na internet.   

Na semana posterior, vieram com o Caso Eletronet.  

Aí, bom se diga, despontou fortemente o interesse econômico das grandes operadoras de telefonia e dos próprios grupos de comunicação do PIG interessados também em manter sua reserva de mercado contra o Plano Nacional de Banda Larga.   

Lula quer acabar com essa reserva, levando às camadas pobres e à própria classe média a Internet rápida, gratuitamente.     

Revistas semanais e jornalões irão se pautar de agora em diante de forma sensacionalista ou editorializada conforme o perfil de cada publicação.

Desconhecimento de Dilma é incógnita para o PT

Do blog de Fernando Rodrigues:

Dilma Rousseff (PT) subiu e quase empatou com José Serra (PSDB) na pesquisa Datafolha realizada nos dias 24 e 25 de fevereiro. O tucano está com 32% contra 28% da petista.
Um fato porém chama muito a atenção. Enquanto José Serra é o candidato mais conhecido do eleitorado, Dilma continua com metade da taxa do tucano nesse quesito.
O Datafolha pergunta quem conhece os candidatos e estratifica as respostas. No caso de Serra, 33% dos eleitores dizem conhecê-lo “muito bem”. Já Dilma só é conhecida “muito bem” por 17% dos eleitores.
O que significa esse ainda baixo grau de conhecimento de Dilma por parte dos eleitores?
Primeiro, que a alta da candidata do PT nas pesquisas eleitorais se deu muito por conta do apoio que recebeu do presidente Lula, cuja popularidade bate recorde após recorde.
Segundo, que o grande teste para Dilma Rousseff ainda não chegou: virá quando ela ficar mais solta na campanha, vai se expor mais e faltamente será bem conhecida de uma parcela maior do eleitorado.
Terceiro, que o fato de ser pouco conhecida agora pode ser bom ou ruim; tudo dependerá do grau de empatia que Dilma conseguirá estabelecer com seus eventuais eleitores.
É evidente que Dilma já demonstrou ser uma candidata competitiva. Mas a solidez das intenções de voto só poderá ser verificada mais adiante, quando ela se apresentar por inteira ao eleitorado. Esse momento ainda deve demorar mais alguns meses para chegar.
Marqueteiros experientes enxergam o seguinte cenário à frente para Dilma e para a sucessão em geral:
1. Dilma subirá mais ainda nas pesquisas, por inércia das ações do governo (um marketing disfarçado e muito bem articulado) e pela inoculação que receberá da popularidade de Lula;
2. Não será surpresa se Dilma passar José Serra logo após sair da Casa Civil;
3. A candidata do PT começara a estabilizar então em seguida, podendo cair um pouco quando ficar sozinha na planície, sem cargo nem propaganda na TV até o início da campanha;
4. A partir daí, tudo dependera do desempenho do programa eleitoral e da capacidade dos dois principais candidatos, Dilma e Serra, de convencerem o eleitor sobre quem é o mais adequado para seguir a “obra” do super bem avaliado Lula;
5. Será uma campanha dura, mas em teoria muito mais fácil para o PT e para Dilma por conta da grande popularidade de Lula e por causa da desarticulação do PSDB nos Estados e da ausência do mineiro Aécio Neves na campanha tucana (a não ser que venha a ser vice de Serra, o que parece altamente improvável.
Feita a análise e a ressalva a respeito do pouco conhecimento do eleitorado sobre Dilma, é necessário dizer que a pesquisa Datafolha teve um resultado excepcional para a o PT e para a candidata petista.

Rodada define os quatro semifinalistas do Parazão

O Remo empatou com o Águia por 3 a 3.
Em Santarém, o Pantera ganhou do Paysandu por 3 a 2.
O Independente passou pelo Santa Rosa por 2 a 0.
O Ananindeua bateu o Cametá por 2 a 0.
Classificaram-se para as semifinais Remo, Independente, Paysandu e São Raimundo.
No próximo sábado, Independente e Paysandu jogam em Tucuruí.
No domingo, Remo e São Raimundo jogam em Belém.

Tucuruí - Morre mais uma vítima com suspeita de gripe suína

Você ou alguém da sua família podem ser os próximos!!!

Faleceu nesta sexta-feira uma paciente do Hospital Regional de Tucuruí com suspeita de ter contraído a "gripe suína". Alertamos à população que tome os cuidados necessários lavando as mãos, tapando boca e nariz quando tossir ou espirrar (para evitar contagiar outras pessoas) e principalmente evitando aglomerações.

Sabemos que existem muitas pessoas em Tucuruí que preferem morrer do que deixar de ir às festas, e a lugares em que existe grande número de pessoas (cais, estádios etc.), se for assim pelo menos morram só e não levem amigos e parentes. Se você não dá valor à sua vida e quer se suicidar, problema seu, mas tem muita gente que quer viver. Seja responsável...

Obs. O texto e a imagem são para assustar e chocar mesmo, se conseguirmos salvar uma só vida, pra nós já valeu a pena... Quem sabe esta vida que salvarmos poderá ser  a vida de algum  nosso ente querido? Estamos no mesmo barco irmãos.

sábado, 27 de fevereiro de 2010

Datafolha - Dilma cresce e já encosta em Serra

Da Folha Online:
Pesquisa Datafolha publicada na edição de domingo da Folha, mostra que a ministra petista Dilma Rousseff (Casa Civil) cresceu cinco pontos nas pesquisas de intenção de voto de dezembro para janeiro, atingindo 28%.
No mesmo período, a taxa de intenção de voto no governador de São Paulo, José Serra (PSDB), recuou de 37% para 32%.
Com isso, a diferença entre os dois pré-candidatos recuou de 14 pontos para 4 pontos de dezembro para cá.
A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. No entanto, é impreciso dizer que o levantamento indica um empate técnico entre Serra e Dilma.
A pesquisa foi realizada entre os dias 24 e 25 de fevereiro. Foram ouvidas 2.623 pessoas com maiores de 16 anos.

Esqueletos no armário

Agora tem o erro do PSDB, o erro do PT e o erro dos Democratas. O que vai se fazer agora? Um pacto de silêncio em relação a isso ou vamos aperfeiçoar as instituições? A questão da corrupção envolvendo o sistema político é um fantasma e um esqueleto no armário porque não fomos capazes de fazer uma reforma política". Blog da Franssinete.

(Senadora Marina Silva (PV), questionando os partidos envolvidos em escândalos de corrupção.)

Lambanças de Ana Júlia e cerco aos corruptos

O programa “Jogo Aberto” deste sábado, de 2 as 4 da tarde, na Tabajara FM106.1, está imperdível. Vai tratar das lambanças de Ana Júlia e de seu atrapalhado governo, brigando com o PMDB e com os próprios petistas. Como está o clima no governo e no PT e as conversas de bastidores, após a ameaça de Everaldo Martins Filho de não assumir a Casa Civil, na segunda-feira?
 
O procurador eleitoral Ubiratan Cazetta é o entrevistado do programa. Sempre firme em suas posições, ele conta o que vai fazer, como fiscal da lei, para enquadrar corruptos, corruptores, abusos de poder, além da campanha pela internet, blogs e sites que infringirem as regras das eleições deste ano.
 
O projeto de quase R$ bilhão para extração e comercialização de ouro do garimpo de Serra Pelada é outro assunto do programa. Há uma entrevista com Heleno Costa, diretor da mineradora canadense Colossus, responsável pelo projeto e com o promotor de Justiça de Curionópolis, Luiz Gustavo Quadros, que fala sobre o indeferimento da licença prévia ao projeto.
 
Quem quiser ouvir o programa pela internet pode sintonizar a emissora pelo endereço www.radiotabajara.com.br. Ou também ouvi-lo pelo celular.

Nota - Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral

O Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) – rede integrada pelas 43 organizações sociais responsáveis pela realização da Campanha Ficha Limpa –, tendo em vista o resultado dos debates ocorridos no Colégio de Líderes da Câmara dos Deputados nesta semana, vem apresentar as seguintes considerações:

1. As mais de 1 ,5 milhões de assinaturas que apoiam o projeto de lei de iniciativa popular sobre a vida pregressa dos candidatos (PLP 518/2009) são apenas uma mostra da forte base social da Campanha Ficha Limpa;

2. A sociedade brasileira espera que não ocorram novos adiamentos na discussão e aprovação dessa matéria que está em primeiro lugar na pauta de interesses de todos os cidadãos e cidadãs;

3. O MCCE dispõe-se a participar de qualquer diálogo congressual que tenha por finalidade aprimorar o texto do projeto de lei , não aceitando que eventuais alterações redacionais venham a desfigurar os princípios que nortearam a iniciativa.

Brasília, 05 de fevereiro de 2010.

Dom Dimas Lara Barbosa - Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB)

Marcos Túlio de Melo - Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Confea)

Enquete: Qual o motivo dos ataques a Sec. de Saúde?


Estamos fazendo mais uma enquete, desta vez para saber qual a opinião dos nossos visitantes sobre a campanha contra a Secretária de saúde. A pergunta é: Qual o motivo da campanha dos governistas contra a Secretária de Saúde? Os visitantes poderão escolher apenas uma das sete respostas propostas, preferimos abrir um número grande de opções para aferir com mais exatidão a opinião dos nossos visitantes, ou melhor, do povo.

Qual o motivo dos ataques a  Sec. de Saúde?

Eis as perguntas:

1 - Por que é culpa da Secretária que a saúde está ruim
2 - Por que o prefeito quer ter maior controle sobre a saúde
3 - Por que existem interesses políticos e financeiros por trás
4 - Por que querem atacar o Deley
5 – Por que tem outro deputado que quer controlar a Secretaria de Saúde
6 - Sei lá, só sei que enquanto o prefeito for o mesmo nada vai mudar
7 - Não sei, isso é problema deles

Terremoto no Chile

Um enorme terremoto de incríveis 8.8 graus na escala Richter atingiu agora há pouco o Chile, gerando um Tsunami, com ondas de até 3 metros. Há relatos de prédios desabados em Santiago, localizada a 3oo km do epicentro, que foi registrado as proximidades da cidade de Concepcion.
Leia mais aqui na CNN.

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Termina enquete sobre o carnaval

Terminou hoje a enquete sobre o carnaval de Tucuruí, mais precisamente sobre as sucessivas vitórias da Unidos de Tucuruí. O resultado foi o seguinte:

No total foram 40 votos e os internaltas podiam votar em duas respostas ao mesmo tempo.

A pergunta mais votada foi: "A diretoria trabalha o ano todo e é competente", que obteve 30 votos que significam 75% da votação.

A segunda pergunta mais votada foi: "É uma escola de ricos", que obteve 24 votos que significam 60% da votação.

A terceira mais votada ficou com apenas 3 votos e 7% da votação.

A quarta pergunta era uma brincadeira e não teve nenhum voto.

Notem que pelas respostas nota-se que a população reconhece a competência e o trabalho da direção da Unidos, mas também acreditam que a escola é essencialmente uma escola da elite e que o poder financeiro da escola pesa no resultado. E depois dizem que o povo não sabe das coisas. Na nossa opinião estes dois fatores não desmerecem em nada a escola, mas precisamos encontrar uma saída para tornar a disputa das escolas mais equilibrada, menos previsível e portanto mais interessante e emocionante. Um jogo em que todos sabem quem vai ganhar e não tem suspense não tem muita graça, concordam?

Entre as propostas que nos enviaram, uma nos chamou a atenção. A sugestão é a seguinte:

Com cinco escolas poderiam ser criados os grupos A e B de escolas de samba. A escola de samba para participar do grupo A teria que preencher alguns requisitos, como por exemplo um teto mínimo de arrecadação durante todo o ano, este teto seria de por exemplo de R$ 50.000,00 cinquenta mil , fora o repasse da PMT; este dinheiro teria que ser gasto INTEGRALMENTE para financiar o desfile (material, trabalho etc). Caso só uma escola atendesse a este requisito ela desfilaria sozinha pelo grupo A e seria automaticamente a campeã recebendo o título de campeã. Claro que poderia ter outros requisitos  para o grupo A, como por exemplo um número mínimo de brincantes, de alas e de carros alegóricos.

As outras escolas que não atendessem aos requisitos, desfilariam pelo grupo B e disputariam o campeonato entre si, com direito ao título de campeã do grupo B. Acreditamos que o esforço para atender aos requisitos e participar do desfile no grupo A, traria o equilíbrio e permitiria uma disputa de igual para igual entre as escolas.

Notem, não entendemos bulhufas de carnaval, esta não é a nossa praia e este não é o objetivo do movimento e do site. No entanto somos tucuruienses natos e de coração e queremos de alguma forma contribuir, não só criticando e apontando erros, mas propondo soluções. 

Esperamos não estar melindrando ou interferindo no trabalho de ninguém, é só uma idéia que pode ou não ser aproveitada. Acreditamos que quanto melhor o carnaval, melhor estará sendo empregado o dinheiro público que é gasto pela PMT e até pelo Governo Estadual para ajudar a promover a festa.

Um grande abraço...

Divulgada hoje a última lista dos concursados

Foi divulgada hoje a última lista de concursados da PMT, foram quase quatro anos de luta, mas finalmente o sofrimento terminou e o último concursado já tem o seu merecido emprego. Estudou, se submeteu ao Concurso Público como manda a lei, foi classificado, lutou incansavel e bravamente contra tudo e contra todos, venceu, e hoje colhe os frutos do seu esforço e da sua luta. 

Parabéns aos concursados e parabéns ao Ministério Público por apoiar esta causa e fazer cumprir a Lei. Que isto sirva de lição, sem união e sem luta não existe vitória. Vamos nos dar as mãos e fazer um Brasil melhor e mais justo, com governantes dígnos, honestos e competentes. Só depende de nós...

Abaixo a lista dos concursados:


Ultima Lista de concursados da PMT

Zelador

Fernando de Souza Lima
Dgivaldo Barbosa Rocha
Robson Fernando de Mesquita Jansen
Isna Machado Mota
Isis Silva de Jesus
Márcia Cristina Rodrigues da Costa
Angeliane Cabral Barroso
Willen Sales Gomes
Rosielma Teixeira Pinto
Emerson Chaves Bahia
Domingas Alailda Lopes Correa
Raimundo Nonato Mendes de Souza
José Denis Costa Viana
Ruthane Baia Freire
Raimunda Márcia dos Santos Coelho
Claudenilson Rodrigues da Silva
Joel Alves Tenório
Raimundo Martins Portilho
Antônia Maria Silva Sales
Jarlene da Costa Assunção

Assistente Administrativo

Anelize Mezomo Bezerra
Edileuza Santos Souza
Renato Cândido Alves
Helenio Gomes Pereira Júnior
Poliana Fernandes Barbosa
Maria Sebastiana da Silva Costa
Neiva José da Luz Dias Júnior
Adriano Dias Borges
Josiel Marques Santana
Ozeneide da Frota Sodré
Marcio Augusto Dias Santos
Ronaldo Brito dos Santos
Antônio Arthur Videira de Amorim J.
José Brás Santos
Moacyr Plínio Mendes Lopes Filho
Agenor Meireles Monteiro Filho
Evandro Damasceno Cantão
Thiago dos Santos Matos
Sidney Rômulo Monteiro de Araújo
André Pereira de Araújo
Tony Edson dos Anjos de Almeida
Melque Sedeque Ferreira de Oliveira
Carlos Silva de Souza
Ademildo Alves de Medeiros Júnior
Luiz Bernardo Pinheiro Pantoja
Dhones Rogério Abreu Ribeiro
Madson Carvalho dos Santos

Agente de Hospital

José Miranda da Silva
Erivandro do Carmo Tavares
Patrícia Leão da Cruz
Michelle Zizian Sousa da Silva
Márcia Rachel Stork Costa
Yuri Jhonatan Ramos Araújo

Pedagogo – Orientador Ed.

Ronaldo Meireles Martins
Tereza Virgínia Américo da Cruz
Janilce Bandeira Vanzeler
Eleazar Venâncio Carrias

Todos deverão se apresentar no Depto. De Recursos Humanos da PMT do dia 1 a 3 de março, com toda a documentação exigida.

Humor - Quem come quem?

Essa do Blog do Vic é muito boa...

Quem Vai Comer Quem
 

Ninguém se entende nesse PT
É o Puty que quer comer todo mundo.
E é todo mundo querendo comer o Puty.

Comentário do Folha:  
Olha lá o coelho de trás, é o Jader de camarote
assistindo o furdunço... KKKKK

Queremos ficha limpa


Cidadãos do Pará, convido a todos para que se organizem e façam atos públicos em todo o Estado em favor da Campanha Ficha Limpa. Basta de impunidade. Basta de corrupção. Precisamos e merecemos representantes dignos. Pelo bem do Pará e do Brasil.

PT 2 x 0 governo Ana Júlia

Aí ele está ele.
Cliquem na imagem para ampliá-la.
Trata-se de decreto que revoga aquele que enxugaria tanto a Casa Civil a ponto de torná-la, digamos, uma miragem.
O decreto está no Diário Oficial de hoje.
E reafirma que o PT venceu.
O partido ganhou mais uma do governo Ana Júlia.
Ana Júlia do PT, fique bem claro.
Aliás, está 2 a 0 para o PT contra Ana Júlia.
A primeira vitória foi aqui.
A segunda, aqui.
Vai acabar virando goleada. Blog Espaço Aberto.

PT iria às prévias se Ana Júlia não revogasse decreto

Estava pesadíssimo – e ponham pesadíssimo nisso – o clima entre petistas de alto coturno, entre petistas do Estado-Maior que se reuniram durante a tarde-noite de ontem, depois da repercussão tenebrosa do decreto que retiraria a caneta das mãos de Everaldo Martins Filho, que na próxima segunda-feira assumirá a Casa Civil.
Para você terem uma ideia, há um condestável petista que é um gentleman.
É um lorde.
É um conciliador.
É um ótimo articulador.
É discreto.
Até o seu tom de voz demonstra ponderação, sensatez, moderação.
Pois é.
Até ele estava porraqui com o Palácio dos Despachos.
Até ele estava tiririca com as instâncias - lá mesmo do Palácio dos Despachos - que induziram Ana Júlia a assinar o decreto disparatado.
Até ele estava indignado com a própria Ana Júlia, que não teria tido o discernimento de perceber que aquele decreto era um disparate completo.
Até que o lorde, o conciliador, o discreto, o ponderado, explodiu.
E disse assim:
- Se esses ... não revogarem hoje esse decreto, nós vamos ter outro candidato ao governo do Estado.
As reticências substituem, vocês sabem, um palavrão.
Sim, o blog, como recurso largamente utilizado, poderia muito bem grafar apenas as iniciais do palavrão.
Mas achou melhor não fazê-lo.
Até porque o palavrão poderia ter sido pior, bem pior do que o mencionado na versão contada ao poster.
Hehehe. Blog Espaço Aberto.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Quem é o dono do apartamento?

O Vereador Jones em seu blog mostra um apartamento em Belém que segundo ele custou R$ 1.000.000,00 um milhão, mas não diz quem é o dono...

Qual o mistério?
 
Vejam a matéria...

"Retalhando" o estado do Pará


Transcrevo abaixo coluna da Profa. Amarilis Tupiassu, publicada em O Liberal, sobre a possível divisão do estado do Pará. Obrigado ao amigo Júnior Braga por mandá-la por email...

por Amarílis Tupiassu


"Indigna já só a ideia de reduzir o Pará a Belém e Zona do Salgado. Coisa de político-forasteiro mal-agradecido. O cara chega à casa alheia, que o acolhe com hospitalidade, e se revela um aproveitador. Entra, fuça a geladeira, abanca-se no melhor sofá, escancara as portas dos quartos, e a gente sabe: é um folgado. Chora, estremece por seu estado de nascença, enquanto explora e desdiz do Pará, de que só pensa em chupar tudo, até o Estado inteiro, se deixarmos. 

O retalhador do estado (dos outros) chega e se espalha feito água. Abanca-se, invade a cozinha, destampa, tem o desplante de meter o dedo na panela, antes do dono da casa, lambuza as mãos, lambe os dedos. Como nós, os paraenses somos cordiais, ele confunde cordialidade com liberalidade. Vem, vai ficando, mergulha de unhas e garras afiadas em terras e política. Espalhado, o aproveitador, pronto, enriqueceu, encheu a pança. Fez-se fazendeiro, político de muito papo (balofo), o cara de pau. 

Alguns não dispensam trabalho escravo e agora dão de posar de redentores da miséria do Pará, como se só no Pará houvesse miséria. E cadê? Ih, já nas altas cúpulas, armando discórdia, querendo porque querendo dividir o estado do Pará, ‘disque’ porque é estado imenso e pobre, como se os miniestados brasileiros fossem paradisíacos reinos de felicidade, nenhum faminto sem teto, nenhum drogado, saúde e escola nos trinques, nada de tráfico e exploração de menores. Balela de retalhador! Leia a matéria completa...

PhD em corrupção

O Brasil está em destaque no Relatório Global da Integridade de 2009 - estudo de pesquisa sobre os níveis de corrupção em diversos países do mundo - divulgado ontem pela ONG americana Global Integrity.

O documento critica a política eleitoral brasileira e aponta a fraqueza das leis que permitem a influência decisiva dos mais ricos nas eleições locais e nacionais do país: as doações feitas em campanha atuam diretamente no resultado das eleições e nas decisões dos políticos depois de eleitos.

A versão final da análise sobre o Brasil ainda não está terminada, mas deve ser divulgada nos próximos 10 dias. Do blog da Franssinete

Papos

Jader falou com Duciomar.
Jader falou com o PT.
Ok.
Mas Jader foi além.
E teve um papo de 3 horas hoje.
Com o DEM.

Do Blog do Bacana.

Prepotência e Humilhação no Detran

Não sabemos o que está acontecendo com o Bosco do Detran, tem cargo de confiança no governo do estado mas parece detestar o PT. Nas últimas eleições municipais, já na reta final, humilhou um policial militar (Cabo Gilberto) só porque o militar estava cumprindo o seu dever o admoestando por perturbar o sossego público com o som do carro muito alto, de noite e em área residencial. Com esta atitude Bosco jogou toda a corporação contra o candidato do PT a prefeito de Tucuruí.

Agora de novo em um ano eleitoral desta vez em eleições em nível de estado e federal, volta a fazer das suas. Segundo fomos informados, os funcionários em greve do Detran procuraram se esconder da chuva na área do Detran onde se faz o emplacamento, pra quê, o Bosco mandou que se retirassem, e como estava chovendo e os grevistas se recusaram sair e ficar na chuva, Bosco em um ataque de autoritarismo e intransigência e se julgando o todo poderoso, chamou a polícia para os retirar à força.

ISSO que está aí é um governo popular?

ISSO é um governo dos trabalhadores?

Como é que a governadora quer ganhar eleição tratando os trabalhadores e o povo deste modo?

ISSO É UMA VERGONHA!!!

Pacto com o diabo

O Dep. Parsifal em seu blog faz uma análise muito interessante sobre o esvasiamento da Casa Civil antes da saida do Puty.

Fazer acordo com Ana Júlia e a DS é como fazer pacto com o diabo, você sempre perde, ganha mas não leva.

É jogo de azar...

Os petistas e peemedebistas de Tucuruí que o digam, confiaram...

E deu no que deu!

Puty que p@#$%...

Vejam a matéria no blog do Parsifal.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Convocação dos concursados

A procuradora Jurídica da PMT pediu ao Ministério Público Estadual, o prazo de até a próxima sexta-feira para a divulgação da lista de convocação dos últimos concursados da PMT.

Continua campanha de desconstrução da imagem do Dep. Deley

Mais um lance na campanha de desconstrução da imagem do Dep. Deley.

Entenda o que está acontecendo.

Hoje o Dep. Wladimir Costa em sua Rádio (Energia FM) atacou duramente a Secretária de Saúde Municipal e seu esposo Dep. Estadual Deley Santos. O ataque de Wlad supostamente seria em defesa do locutor da rádio (Lamego).


O locutor da rádio Energia FM, teria em seu programa, tecido duras críticas à Secretaria de Saúde e teria insinuado que a Secretária Nilda estaria utilizando indevidamente verba federal destinada aquela secretaria, no valor de R$ 495.000,00. A Secretária sentindo-se ofendida pediu direito de resposta e demonstrou que a verba citada estava sendo repassada diretamente ao Hospital Regional de Tucuruí, portanto não seria possível que a Secretária de Saúde estivesse utilizando esta verba de forma indevida.

Houve uma discussão acalorada entre Nilda e Lamego no ar durante o programa , o que resultou na fala do Dep. Wlad hoje, em que o mesmo exaltado e esbravejando, insultou a pessoa da Secretária e a ameaçou de processo por (segundo ele), seu locutor ter sido supostamente ameaçado. Wlad teria dito ainda que a PMT tem realmente contrato com a emissora, e que isso seria OBRIGAÇÃO da prefeitura, não devendo ele nada ao prefeito (isso não é verdade, não existe lei que obrigue o prefeito a manter contrato com emissoras de rádio, ainda mais com um valor tão elevado).

Por sua vez no programa Tucuruí Agora o Dep. Deley, respondeu também de forma dura os ataques que o Dep. Wlad fez contra a sua esposa e contra ele próprio. Na oportunidade Deley citou que a Rádio estaria recebendo em torno de R$ 15.000,00 quinze mil em contrato com a Prefeitura, por isso a emissora não fazia críticas ao prefeito. Alegou ainda que a crítica à sua esposa teria objetivo político devido à ligação do Dep. Wlad com um político local que teria interesse em o queimar politicamente perante à população.

Mas qual a razão disso tudo?

Simples, interesses puramente políticos. Vamos colocar algumas situações e os próprios leitores do Folha poderão tirar as suas próprias conclusões.

1 – Existe três grupos políticos hoje que controlam a PMT. O grupo do Sancler (PPS), o grupo do Dep. Deley (PV) e o grupo do Dep. Gualberto (DEM). Todo governo tem seus grupos políticos de interesse, e o governo do Sancler não é diferente.

2 – O grupo do Deley e do Gualberto disputam o mesmo espaço eleitoral e o apoio da máquina (PMT) nas próximas eleições. Portanto a briga é pela sobrevivência política.

3 – A relação política e de confiança entre Sancler e Gualberto é mais forte e antiga do que a relação de Sancler com Deley, inclusive Deley e a então Vereadora Nilda sempre foram críticos ferrenhos de Sancler quando o mesmo era vice-prefeito na administração anterior (isso foi inclusive explorado na campanha eleitoral para prefeito), e como se sabe, para esse tipo de coisa Sancler tem memória de elefante, não esquece fácil, se é que vocês nos entendem...

Deley sempre adotou uma postura de independência de acordo com os seus interesses políticos, e faz o que lhe dá na telha. Além do mais Deley tem a vice-prefeitura, o que o torna uma ameaça real a longo prazo para Sancler, assim como Sancler foi uma ameaça (que se cumpriu) em relação ao ex-prefeito Cláudio Furman.


4 – As empresas do Deputado Gualberto e família sempre atuaram no ramo de venda de medicamentos e materiais hospitalares, e o controle da Secretaria de Saúde supostamente e compreensivelmente seria do seu interesse, além do mais a Secretaria de Saúde tem orçamento próprio, ao contrário da Secretaria de Desenvolvimento Econômico que é controlada por Gualberto e seu grupo.

5 – Segundo comentários dos bastidores políticos em Tucuruí, existe uma ligação entre o Dep. Gualberto e o Dep. Wlad, ligação esta que supostamente teria criado até um certo constrangimento e um estremecimento de relações entre o Deputado Gualberto e a direção da Rádio Floresta. É também de conhecimento público que Deley e Wlad nunca se estimaram muito, ou seja, eles não se bicam.

6 – Os vereadores do prefeito criticaram duramente a Secretária de Saúde durante a última sessão da Câmara Municipal, e todos sabem que os vereadores do prefeito não fazem e não dizem nada sem a aprovação de Sancler. Notem que os ataques à Nilda partiram em primeiro lugar, não da oposição, mas da base governista. Em seguida vieram os ataques do locutor da Rádio Energia e do próprio Wlad.
Notem que existe algo em comum entre estes dois ataques, tanto os vereadores da situação quanto a Rádio Energia estão ligados diretamente ao prefeito Sancler. Seria de supor que os ataques da Rádio Energia à Secretária e ao Deley fossem somente a mando do deputado Gualberto, mas isso não faria sentido, já que o Deputado não controla os vereadores. Se o Dep. estiver por trás destes ataques (não estamos dizendo que está) é lógico que o prefeito direta ou indiretamente também está.

7 – Se o prefeito estiver também por trás dos ataques ao Deley, por que a Rádio Floresta está na defesa do Deley, ou pelo menos mais ou menos imparcial, já que também tem contrato com a PMT?

Simples, Deley tem uma relação de amizade muito antiga com os dois proprietários do Sistema Floresta, e além do mais temos que levar em conta a rivalidade entre as duas emissoras (Energia e Floresta). O engajamento da Rádio Floresta nos ataques a Deley seria sem dúvida alguma uma confissão da participação do prefeito, e ele não cometeria um erro tão evidente e idiota como esse.


8 – Deley vai romper com Sancler?
Duvidamos muito, a não ser que ele seja obrigado e não encontre nenhuma outra saída. Estamos em um ano eleitoral e Deley depende do prefeito para manter a maior parte da sua base empregada na PMT, além do mais Deley precisará da máquina da PMT em sua campanha. Um rompimento neste momento seria um grande erro.
Sancler por sua vez, tem a ameaça constante de ser cassado pela justiça eleitoral, e Deley sabe demais, é um deputado, e pode fazer um estrago irrecuperável no governo municipal. A última coisa de que Sancler quer e precisa, é de um inimigo na Assembléia Legislativa e outro na vice-prefeitura.

O ideal para Sancler e Gualberto seria que a Nilda pressionada, entregasse a Secretaria de Saúde. Melhor ainda seria, caso Deley não se reelegesse.

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Já vai tarde

O Vice-governador do Distrito Federal Paulo Otávio, renunciou hoje. Já vai tarde, menos um corrupto na política. 


STJ X Bancos

A cobrança de tarifa pela emissão de boleto bancário ou ficha de compensação é abusiva e constitui vantagem exagerada dos bancos em detrimento dos consumidores. Este é o entendimento firmado hoje pela Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça. Do Blog da Franssinete.

Missão impossível

Segundo nossas fontes está muito difícil para os contadores fecharem as contas da PMT. Dizem que as contas da prefeitura estão parecendo peneira, de tanto buraco não fecham nem com reza braba.

Fazer o quê, né?

Folha divulga parecer do MPE no processo contra Sancler

Conforme prometido estamos divulgando na íntegra o parecer do Procurador Eleitoral Dr. Ubiratan Cazeta, no processo a que responde o prefeito de Tucuruí Sancler Ferreira, por acusação de Compra de Votos.

O parecer do Juiz Relator do processo acompanhou o parecer do Ministério Público Eleitoral. Este é um processo que está sendo acompanhado pela população de Tucuruí e pelo Brasil inteiro, através da Internet no blog Folha de Tucuruí, que é um informativo do Movimento Transparência Tucuruí.

Estamos mostrando o desenrolar do processo, e a verdade dos fatos, que cada um tire as suas próprias conclusões.

Para ver o parecer clique aqui.

Secretária de Saúde roda a baiana na rádio Energia FM

A Sec. de Saúde rodou a baiana na Rádio Energia FM, o motivo foi à insinuação do locutor da rádio (Lamego) de que a Sec. Estaria utilizando de forma indevida os recursos federais destinados à saúde municipal. Os recursos citados seriam da ordem de R$ 495.000,00.

A Secretária provou que este recurso é repassado diretamente ao Hospital Regional de Tucuruí, portanto não teria como ser mal utilizado pela Secretária de Saúde Municipal.

Durante a discussão que se instalou no ar durante o programa, duas declarações da Secretária que também é vice-prefeita no município, nos chamaram a atenção, não tanto pela novidade e sim pela franqueza da vice-prefeita.

A Secretária disse que quando foi criticada pelo locutor, o mesmo “livrou a cara” do prefeito, provavelmente porque a rádio tem um contrato com a Prefeitura de Tucuruí, e que os ataques seriam porque um deputado local (Dep. Gualberto) teria também um contrato com a Rádio Energia FM, e estaria "queimando" de propósito a vice-prefeita para atingir o esposo e Deputado Deley.
Ora, não é novidade alguma que a Rádio Energia FM, assim como as outras emissoras de rádio e televisão local (imprensa chapa-branca) têm contratos com a prefeitura, no sentido de promover o prefeito e impedir que notícias negativas sobre a PMT e CMT cheguem a conhecimento público. Novidade mesmo é que a imprensa chapa-branca esteja sendo usada para "queimar" a vice-prefeita o que prejudica politicamente o seu marido Dep. Deley.

Ataques premeditados?

Além dos ataques da imprensa chapa-branca, na sessão de ontem na Câmara Municipal a Secretária de Saúde foi duramente criticada pelos Vereadores do Prefeito. Ora, é evidente que em ambos os casos tem o “dedão” do prefeito por trás, já que ele controla totalmente, tanto a imprensa chapa-branca como as seis Marionetes da Câmara Municipal. Dizem ainda que Sancler repassa à Saúde municipal somente o mínimo exigido por lei, e por isso a Saúde se encontra quase a mingua, o que compromete a imagem da Secretária de Saúde e Vice-prefeita Nilda.

Tudo isso nos leva a especular que as relações de Deley e Sancler não andam às mil maravilhas, justo no início de um ano eleitoral. Estará Sancler querendo “puxar” o tapete do Deley? Sancler já destruiu a carreira política do seu ex-aliado Cláudio Furman, Deley será a próxima vítima? Pode ser que não, mas tudo indica que sim, e os sinais estão cada vez mais evidentes. Como a política é um jogo de estratégia e cabe a Deley a próxima jogada, vamos esperar para ver se Deley consegue se impor, chuta o pau da barraca ou se finge de morto e se arrisca a ter o mesmo destino de Furman.

O grande problema é que Sancler é politicamente pouco confiável (tirando por menos) e muito perigoso. Tucuruí é um reduto político eleitoralmente muito pequeno para tanto candidato governista, mais o de oposição (Parsifal), mais ainda os “penetras” de fora. Por mais “rica” que seja, a PMT não agüenta tanto candidato. Neste “jogo de gata parida” alguém vai ser “espremido” para fora... Façam seu jogo, os dados estão rolando...

Mapará fica de fora da proibição para pescado

O mapará vai ficar de fora da proibição de exportação de peixes antes da Semana Santa que o governo do Estado deve impor em decreto a ser publicado nos próximos dias. A espécie, que é embarcada no Porto Novo e Porto do KM-11, nas cidades de Jacundá e Tucuruí, sudeste do Estado, tem baixa aceitação entre os consumidores paraenses.

A saída de outros tipos de pescado para os demais Estados ficará proibida no período de 18 de março a 1º de abril.A decisão foi tomada pela secretária estadual de Pesca e Aquicultura, Socorro Pena, a partir de pedido feito pelos pescadores.

Para garantir a venda, a fiscalização e o aumento da oferta do pescado em quantidade necessária para o mercado interno, com boa qualidade e preços acessíveis à população no período que antecede a Semana Santa, a Secretaria de Pesca e Aquicultura (Sepaq) está trabalhando para colocar no mercado 200 toneladas de pescado, das espécies piramutaba e bagre.

A quantidade de peixe vivo, que inclui espécies como pescada, tambaqui e filhote, ainda está sendo definida. 'O peixe será fornecido por meio de consignação pela indústria de pesca e associações que irão comercializar o produto a preços populares nos locais onde serão realizadas as feiras', informou Socorro Pena. Produtores de pescado e crustáceos se reúnem hoje na Sepaq para acertar detalhes do fornecimento.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

CMT diminui transparência e fica mais longe do povo


Hoje a sessão da Câmara Municipal de Tucuruí não foi transmitida pela rádio floresta, e a CMT se distancia ainda mais do povo de Tucuruí. Não estranhamos nada que o presidente da CMT tenha encerrado as transmissões ao vivo das sessões da Câmara Municipal (demorou muito). O presidente parece não querer que a população acompanhe os "trabalhos”   e os pronunciamentos, principalmente os da oposição.

Acreditamos que o presidente e aliados estejam constrangidos de que a população perceba a ineficiência do legislativo, e ouça os pronunciamentos bajuladores e subservientes dos vereadores do prefeito. Fica mais fácil transmitir os programas editados pelo Solano Moraes e CIA, ocultando do povo o que realmente acontece nas sessões da Câmara Municipal, e apresentando uma realidade falsa, maquiada, muito diferente do que realmente acontece no legislativo tucuruiense.  

Antigamente, quando a imprensa chapa-branca tinha o monopólio da comunicação e da opinião, isso podia até funcionar, hoje não. Hoje em dia um grande número de pessoas, e TODO formador de opinião que se preza visita a Internet à procura de informação, o que torna impossível a censura, dificultando  muito a enganação, tão utilizada pelos políticos incompetentes que não tem o que mostrar, ou tem medo do julgamento das ruas. 

A Internet veio para premiar os competentes e tirar as máscaras dos maus políticos. Não dá mais para "comprar" a opinião pública simplesmente comprando ou alugando a imprensa, esse tempo já passou, já era, e quem insiste está ultrapassado e simplesmente joga dinheiro fora, se iludindo e achando que engana o povo.

Os vereadores que não tem o que esconder podem simplesmente gravar as sessões e disponibilizar as gravações pela Internet. Seria melhor ainda que as transmissões via rádio, já que o povo poderia ter acesso ao que acontece nas seções da Câmara quando quisessem. Qualquer assessor pode gravar as sessões, caso o presidente se recuse a fornecer a gravação. Será que algum vereador, ou vereadores tem coragem para apoiar esta idéia? Esperamos que sim, o povo têm o direito de saber o que realmente acontece na CMT.

Ver. Jones coloca um link para o Folha

Agradecemos ao Ver. Jones William, o link em seu Blog para o Folha de Tucuruí. Reconhecendo a gentileza e atenção, colocamos um link para o blog do Jones também. Um abraço...

Vereadores cobram atenção da Sec. de Saúde

Tucuruí com à saúde na UTI

Na sessão de hoje o clima esquentou, vereadores que apoiam o prefeito cobraram mais atenção da Sec. Nilda na área da saúde. Inclusive denunciando a falta de RX, material estéril para cirurgia e medicamento no Hospital Municipal. O blog antecipou! Do Blog do Ver. Jones William

Uma análise política que merece ser lida

O PSDB e seu Versalhes imaginário

Do blog A Perereca da Vizinha.

O PSDB precisa de um banho de povo. Mas o problema é se há tempo para isso até outubro.

Há uns meses, os tucanos andavam embriagados pelo clima de “já ganhou” de José Serra.

A dura realidade das pesquisas mostrou, porém, a possibilidade de um novo naufrágio.

Daí, talvez, a hesitação de Serra em dar o pontapé na campanha presidencial: o inesperado crescimento de Dilma (inesperado apenas para os tucanos) vai transformando a Presidência numa aventura, em tudo oposta à reeleição ao Governo de São Paulo.

Lembro que este blog já dizia, há alguns meses, que era muito cedo para fazer previsões quanto às eleições paraenses.

E um dos fatores de incerteza era justamente o desempenho de Dilma Rousseff.

Não se sabia se emplacaria – mas também não havia como afirmar o oposto, até pelas inegáveis qualidades dela, o peso da máquina e o fenômeno eleitoral chamado Luís Inácio Lula da Silva.

Com a arrogância de sempre, porém, os tucanos preferiram ignorar tudo isso.

Repetiam que Dilma não tinha chances porque era uma desconhecida e uma pesadíssima mala – como se o Serra não fosse também...

Hoje, o clima de “já ganhou” do tucanato vai dando lugar a uma enorme ressaca.

Faltou-lhe perceber que entrará em campo para enfrentar a máquina – e a máquina de um governo extremamente popular.

Os tucanos tiveram oito anos para descer o salto e não o fizeram.

Insistiram em apenas torcer o empinado nariz para o operário de parca instrução.

Não investiram na tradução popular de seu programa de governo.

Não tiveram a humildade de aprender com o luminoso comunicador que é Luís Inácio.

Não conseguiram nem mesmo carimbar os programas sociais que conceberam e dos quais os petistas acabaram por se apropriar.

Partido sem massa, sem povo, o PSDB não conseguiu cultivar nem mesmo um saudável orgulho em relação ao muito que fez pelo povo brasileiro.

Não conseguiu se livrar desse mau espírito, desse encosto de nobreza decadente.

Daí que não consiga acertar nem o mote da campanha: não sabe o que vender, nem como vender.

Bem vistas as coisas, o PSDB é um dos pais de Lula.

Ao manter-se encastelado em seu Versalhes imaginário; ao adotar como única estratégia a ridicularização do “operário-Jeca” do Palácio do Planalto; ao não se preocupar em traduzir em linguagem popular os males do aparelhamento e do gigantismo do Estado, o PSDB cavou um fosso cada vez mais profundo em relação aos “filhos do Brasil”.

Por isso a facilidade de Lula em se transformar em “guia” e “pai” de todos eles.

Em tal contexto, a candidatura de Serra é emblemática e problemática.


Emblemática porque representa o ideal tucano do governante iluminado, mesmo que a expressar-se em chinês.

Problemática porque o cenário exigiria alguém com a leveza e a juventude de um Aécio Neves.

Quem sabe nos próximos quatro anos os tucanos consigam compreender, afinal, que não é o povo que tem de vir ao partido.

Mas o partido é que tem de ir ao encontro do povo.

Paulo Octávio vai desistir mesmo

Do blog de João Bosco Rabello:
Não durou 48 horas a decisão do empresário Paulo Octávio de permanecer no governo do Distrito Federal.
Ele foi convencido por amigos e assessores mais próximos a tirar do bolso a carta de renúncia.
O “Dia do Fico” de Paulo Octávio tinha o objetivo de construir um pacto político em torno do interesse comum dos atingidos pela crise em evitar a intervenção federal em Brasília.
O efeito foi contrário: sua permanência aumentou as chances da intervenção. E, com ela, o medo maior: abrir o debate em torno da revisão da autonomia política do Distrito Federal.
São exatamente esses dois pontos – intervenção e autonomia do DF -, que constituem a espinha dorsal da carta revisada de renúncia que o governador em exercício apresentará na semana que se inicia.
Paulo Octávio jogou a toalha e reconheceu que o sonho de governar Brasília é só um fetiche e que amor mesmo ele tem pelas suas empresas.
Já teve seu momento Aloizio Mercadante, de renunciar à renúncia. Agora, renuncia à renúncia da renúncia.
Não custa esperar para ver.

Brecando a saída do pescado em Marabá, Tucuruí e Jacundá

Quem informa é a competente jornalista Selma Amaral:

A gerência regional da Agência de Defesa Agropecuária (Adepará) localizada em Marabá, está se preparando para atuar nas ações de combate a saída do pescado “in natura” durante o período da semanada santa. Segundo Jorge Luis Cavalcante, gerente regional do órgão, cerca de vinte profissionais devem atuar na operação que será montada a partir da publicação do decreto da Secretaria de Pesca e Aquicultura do Pará.

Antes disso, a gerência deverá reunir com homens da Polícia Militar e com os pescadores da colônia Z-30. A ideia é fazer um trabalho preventivo e de planejamento estratégico com barreiras de fiscalização na rodovia BR-222, que dá acesso a outros estados. “Nosso trabalho vai proibir o transporte e a comercialização de pescado natural entre municípios e os estados próximos da região de Marabá”, avisa.

Além de Marabá, a fiscalização ficará de olho na produção dos municípios de Tucuruí e Jacundá, que também cruza a rodovia BR-222 para alcançar outros estados. Entre as espécies mais comercializadas e apreciadas na região estão o Tucunaré, Jaú e o Surubim. Pelos cálculos da Secretaria de Pesca e Aquicultura cerca de 200 toneladas de pescado deverão ser disponibilizada à população durante o período da semana santa. Do Blog do Hiroshi

Comissão dos Concursados tem audiência amanhã com MPE

A Comissão dos Concursados tem audiência amanhã (23/02) com o Ministério Público Estadual, para tratar do não cumprimento do TAC por parte da prefeitura e do prefeito. A PMT não divulgou a última lista dos concursados como previsto e acordado no TAC, e como foi prometido à promotora e à Comissão na última audiência com o MPE.

Na oportunidade a Comissão deverá tratar do problema de nepotismo na PMT. Parentes do prefeito, secretários e diretores, continuam tranquila e ilegalmente na PMT sem serem incomodados pela justiça, apesar das inúmeras denuncias e representações.

A Comissão e a sociedade esperam que o MPE cumpra com o seu dever de guardião da Lei, tome as devidas providências que o caso requer e cumpra o TAC.

domingo, 21 de fevereiro de 2010

Vereadores voltam finalmente a "trabalhar"

 
Santo Expedito - Santo das causas impossíveis e urgentes

Amanhã (22/02) finalmente (ufa) recomeçam os "trabalhos" legislativos na Câmara Municipal de Tucuruí. Vamos ver se os vereadores conseguem este ano o que não conseguiram em todo o ano passado: Fiscalizar os gastos e as aplicações do dinheiro público em Tucuruí. 

Todos sabem que a mais importante tarefa (obrigação) do legislativo (além de legislar) é fiscalizar a aplicação do dinheiro público no município, pois bem  no ano passado, os vereadores de Tucuruí não conseguiram nem mesmo fiscalizar o gasto de dinheiro público pela própria Câmara Municipal.

Parece incrível mas não é, querem ver? Pergunte a qualquer vereador (menos ao presidente é claro) se  ele sabe por exemplo:

1 - Perguntem quantos, quais e de quem são os carros alugados pela CMT. 
2 - Perguntem quantos litros de gasolina a CMT gastou ano passado e como foram utilizados.
3 - Perguntem quantos e quem são os funcionários contratados e em cargos de confiança e assessoramento da CMT.
4 - Perguntem quais foram às empresas que prestaram serviço e venderam para a CMT e quais os valores que receberam.

Duvidamos que os vereadores de oposição saibam, e os de situação queiram dizer ao povo. Ora, se não fiscalizam a própria Câmara como estariam fiscalizando a prefeitura? Mas, quem sabe por um milagre  e suprema graça divina, este ano os vereadores comecem a trabalhar, a justificar o salário que recebem e a confiança do eleitor (por favor, parem de rir!)... Quem for católico pode orar a Santo Expedito, que é o santo das causas impossíveis, é um pedido muito difícil (até pro santo) mas quem sabe? Devemos ter fé...

Para Deus nada é impossível, nem mesmo os casos perdidos, só o todo poderoso pode dar um jeito nos políticos brasileiros e muito especialmente nos de Tucuruí..

Fuga no presídio de Tucuruí

Dez presos fugiram neste sábado do Presídio de Tucuruí. Dois dos detentos em fuga foram presos no mesmo dia e dois foram mortos após resistirem à prisão. Os mortos foram: Chileno Pascoal Rodrigues e Charles Albert Lima. Até o momento pelo que sabemos, seis detentos continuam foragidos.

Bom conselho

"Temos que criar vergonha na cara e eleger pessoas dignas. Quem colocou os ladrões lá? Não foi obra de Deus, foi o voto do povo. Ou o povo assume a responsabilidade de mudar este país ou vai ter mais ladrões”). Presidente Lula - 1996).

Justiça cassa Prefeito de São Paulo

A Folha de S. Paulo informa que a Justiça Eleitoral condenou o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), à perda do mandato pelo suposto recebimento de doações ilegais na campanha de 2008. A decisão deve ser publicada no "Diário Oficial" na próxima terça-feira.

Prefeito da maior capital da América Latina e correligionário de José Roberto Arruda -- governador afastado do Distrito Federal -- que encontra-se preso por comandar uma quadrilha que roubava os cofres públicos. O Democratas está atolado em lama até o pescoço e hoje é sinônimo de um partido sem princípios éticos.

Em nota, a defesa do prefeito diz que as contas "foram analisadas e aprovadas sem ressalvas pela Justiça Eleitoral" e que a tese da sentença já foi vencida no TSE. Os advogados vão recorrer.

Não tivéssemos uma justiça que valoriza as chicanes processuais, esse patife já estaria na cadeia também, seria afastado até provar sua inocência. Blog do Val Mutran.
============================

Folha: De vez em quando e em alguns lugares a justiça de verdade funciona e cumpre com dignidade o seu papel. Infelizmente nem sempre é assim, mas um dia chegaremos lá...

PMDB e PT se reunem para negociar acordo

Na próxima terça-feira (23), PT e PMDB sentarão para mais uma rodada de negociações, em torno da reeleição da governadora Ana Júlia Carepa. O encontro acontecerá às 19 horas, em Brasília.
Estarão presentes, Jader Barbalho, o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e os presidentes nacional e regional do PT, José Eduardo Dutra e João Batista.

Segundo uma fonte petista, a intenção é que os dois partidos acertem os ponteiros já nesse encontro. Depois, será marcado um tête-à-tête entre Jader e Ana Júlia, “para bater o martelo”. Segundo o PT espera-se que tudo se resolva até o final deste mês.

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Sucesso na net - Mike Mosqueiro - Brasília Amarela

Zé do Vento e Joventino - Patinho ORIGINAL

O primeiro discurso de Dilma, candidata à vaga de Lula

Trecho do discurso de Dilma.

"Como disse o Presidente Lula, a democracia não é a consolidação do silêncio, mas a manifestação de múltiplas vozes defendendo seus direitos e interesses. Nela, vai desaparecendo o espaço para que velhos coronéis e os velhos senhores tutelem o povo. Este passa a pensar com sua cabeça e a se constituir uma nova e verdadeira opinião pública."

Leia o discurso na íntegra.

Intervenção, a única saída

Joga pedra na Geni!

A Geni de Brasília

Por Correio Braziliense

Com Arruda preso e Octávio à beira da renúncia, o destino político da capital está hoje nas mãos dos distritais. Por isso, não será surpresa se as vozes contrárias à intervenção façam, num futuro próximo, romaria em defesa da medida

Momentos antes de receber o governador em exercício Paulo Octávio, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu, na última quinta-feira, com cinco ministros e um conselheiro para discutir a crise no Distrito Federal. Estavam à mesa Nelson Jobim (Defesa), Franklin Martins (Comunicação Social), Alexandre Padilha (Relações Institucionais), Luiz Paulo Barreto (Justiça) e Luís Adams (AGU), além de Sepúlveda Pertence, comandante da Comissão de Ética Pública e ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF). Em uma hora de conversa, o grupo chegou à conclusão de que Octávio avisaria Lula da renúncia ao cargo, o que não ocorreu. Ainda.

Além disso, concluiu que a saída para a crise no DF é a intervenção federal. No encontro, nem Lula nem os ministros se disseram a favor da medida. Pelo contrário, comentaram como a intervenção seria traumática para Brasília e desgastante políticamente para o Palácio do Planalto. Feita a ressalva, concordaram que não há alternativa viável na praça. Para o presidente e os ministros, Brasília foi tomada por “um esquema pesado de corrupção” e tem “uma linha sucessória contaminada política e administrativamente”, segundo o relato de um dos participantes da reunião. Por isso, só restaria ao STF acatar o pedido de intervenção apresentado pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel.

Antes de desenhar um cenário de falência do Executivo e do Legislativo locais, Lula e auxiliares se debruçaram sobre dados do GDF. Um dos presentes afirmou que o governo do Distrito Federal emprega 3 mil comissionados que não prestaram concurso público. Proporcionalmente, seria como se a União pagasse salários a quase 200 mil comissionados, em vez dos cerca de 20 mil atuais. Repetindo: 20 mil atuais — ou 10 vezes menos.

“Havia um grande escoadouro de recursos públicos”, disse, assombrado, um ministro ao Correio. O espanto poderia ser maior, já que, na verdade, são 7,8 mil os comissionados pendurados no GDF que não prestaram concurso público. “A gente ouvia falar da existência de um grande esquema, mas não tinha a dimensão do tamanho dele”, acrescentou o ministro.

Reviravolta

Políticos e empresários de Brasília são contrários à intervenção federal. Como o presidente da República, alegam que a suspensão da autonomia do DF representaria um retrocesso. O problema é que não agem a fim de desmontar o quadro de falência institucional desenhado por Lula e por Roberto Gurgel. Pegue-se a bancada de senadores do Distrito Federal. Cristovam Buarque (PDT), que é ex-governador, não abre mão da candidatura à reeleição, um caminho mais fácil e cômodo. Não quer saber de bola dividida. Sempre presente nas discussões de escândalos nacionais, submergiu justamente quando o debate interessa ao eleitorado que lhe garantiu o direito de exercer mandatos.

Já Gim Argello (PTB) trabalha em silêncio. Ou parado. Sumiu do mapa. Finge de morto na esperança de que esqueçam seu passado, e os serviços prestados a Joaquim Roriz (PSC), dando-lhe a oportunidade de, em outubro, vender-se como a solução para o governo. De Adelmir Santana (DEM) não se ouve uma palavra. O escândalo do panetone, ao que parece, assola Roraima. Ou Rondônia. Entre os deputados federais, a situação é a mesma. Prevalecem projetos pessoais. Não há tentativa de construção de uma solução institucional que salve Brasília. É a boa e velha lei de Murici: no aperto, cada um cuida de si.

Mantida a toada, só dois “agentes” têm condições, em teoria, de convencer o Supremo a rechaçar a intervenção. Um deles é o presidente do Tribunal de Justiça do Distrito Federal, Nívio Geraldo Gonçalves. Ele, no entanto, já disse que não assumirá o comando do Executivo se o governador, o vice e o presidente da Câmara Legislativa, Wilson Lima, forem rifados do posto. Com José Roberto Arruda preso, Paulo Octávio à beira da renúncia e a omissão de senadores e deputados federais, o destino político da capital está hoje nas mãos dos distritais. Cabe à turma dos maços de dinheiro em meias, bolsas e paletós guiar os brasilienses rumo à redenção.

É por essas e outras que não será surpresa se — num futuro próximo — as vozes contrárias à intervenção façam romaria em defesa da medida. E com “o prefeito de joelhos, o bispo de olhos vermelhos e o banqueiro com um milhão”, como na clássica saga da Geni de Chico Buarque.

Pedras no tabuleiro

Ardem os bastidores políticos parauaras. Simão Jatene está ouvindo a voz rouca das ruas no interior para o programa tucano. Anivaldo Vale vai reunir o PR na segunda-feira e tentar bater o martelo quanto às alianças para este ano. 
Na terça, Jader Barbalho e Ana Júlia Carepa, olhos nos olhos, discutem a relação; é possível que o casamento PT-PMDB perdure. Duciomar Costa... bem, esse um, se vocês souberem do paradeiro, avisem a população de Belém. Do Blog da Franssinete.

Cahorro de bandido

Decreto sobre peixe ainda recebe ajustes


O mapará pescado no lago de Tucuruí pode ser a única exceção do decreto do governo estadual que proíbe a comercialização e o transporte de peixe para fora do Estado na quinzena anterior à Semana Santa.

O texto, que deveria ter sido publicado na edição de ontem do Diário Oficial do Estado, ainda recebe ajustes antes de ser encaminhado ao gabinete da governadora Ana Júlia Carepa. Em 2008 e em 2009, os pescadores do Porto Novo e do Porto do KM 11, em Tucuruí e Jacundá, receberam autorização para comercializar o mapará fresco para fora do Estado na Semana Santa, desde que garantido o abastecimento interno.

A exceção voltou a ser discutida ontem na Secretaria de Estado de Pesca e Aquicultura (Sepaq) e ainda não teve os termos definidos. A nova previsão feita pelo secretário adjunto de Pesca e Aquicultura, Constantino Alcântara, é de que a publicação do decreto ocorra apenas na próxima semana.

O texto final ainda depende da inclusão dos dados da previsão de fornecimento de pescado para as feiras do Peixe Vivo e Peixe Popular.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Dia de festa

 

Comemoramos oitenta mil vistas ao Folha de Tucuruí. 

Agradecemos aos nossos amigos visitantes pela confiança e também pelas participações nas matérias.  

Um grande abraço a todos vocês!!!

Dos editores do Folha

Por Dilma, diretórios Estaduais do PT perdem autonomia

Foi referendada uma resolução no 4° Congresso Nacional do PT permitindo a intervenção da Executiva Nacional da sigla nos diretórios Estaduais.
A medida visa impedir que o lançamento de candidaturas ou a formulação de alianças que possam prejudicar a corrida da ministra Dilma Rousseff à presidência sejam feitas.
Com a ação, a Executiva ganha mais poder de fogo na negociação da aliança com partidos como o PMDB, que exige a supressão de candidaturas petistas em alguns Estados para que seu candidato seja o único representante da base.
Há situações assim, por exemplo, no Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Bahia, onde tanto o PT quanto o PMDB possuem pré-candidatos ao governo.
Com o referendo da resolução, que consta no programa do PT intitulado 'A Grande Mudança', independente da vontade do Estado, quem autoriza ou não a candidatura vai ser a Executiva nacional do PT, que deve atender pleitos de aliados visando garantir apoio para Dilma.
Durante o Congresso, uma grupo de petistas ainda tentou garantir a autonomia dos Estados no lançamento de candidatos ou na definição de alianças. A proposta, contudo, foi derrotada.
“Se não for assim (com a Nacional dando a última palavra), o PT vira uma federação de partidos autônomos”, disse o secretário geral do partido, José Eduardo Cardozo (SP).
No Noblat